Cultura

A cantora Núbia Dourado lança seu segundo CD - "Finos, Versos e Canções", dia 8 de março, às 20 horas, no Teatro Sesc, em Palmas.

A data escolhida pela cantora é com intenção de fazer  uma homenagem ao Dia da Mulher. A cantora terá ao seu lado no palco a sua banda formada por Jessé (Teclados), Diego Brito (Baixo), Leonel Menares (bateria), Frederico (Guitarra).

No show, Núbia presenteará as mulheres da plateia com o seu mais novo álbum, que segundo ela é um trabalho mais maduro, que retrata a sua vida, sua relação com a natureza, sua fé, seus amores e sonhos. 

O CD conta com o patrocínio da Secretaria de Estado da Cultura do Tocantins – Secult e Fundação Cultural do Estado do Tocantins – FUNCULT no edital ‘Prêmio Dalva Braga 2011, de Apoio à Produção Musical’.

Neste álbum, os fãs de Núbia poderão se deliciar com músicas de autoria própria da cantora, além canções de compositores de renome nacional como Pretinho da Serrinha, Tibless e Luis Melodia.

Segundo Núbia Dourado, o CD retrata a sua história, conta um pouco das suas idas e vindas entre São Paulo e Tocantins. “Para se conquistar um lugar em uma cidade grande como São Paulo é preciso muita fé”, destaca ela, revelando que a música carro chefe do novo disco será a faixa "eu Tenho Fé”.

Em umas de sua músicas ela escreveu “eu cresci numa beira de um rio", onde a cantora ressalta que  a sua  relação com a natureza vem desde a sua infância, nas faixas "Forças da Natureza", "Roda Cantos e Lendas" e Eu tenho fé  Núbia expressa muito bem essa  relação e não deixa de imprimir uma linguagem simples em suas músicas o que fará com que muito se identifiquem. 

O novo CD também conta com a regravação de Tontinha (extraída do CD dos Cirandeiros de Paraty-RJ), Fadas (Luis Melodia) e Estória Infantil de Arnaud Rodrigues, que é homenageado por ela com essa regravação. 

Núbia destaca sua brasilidade Pop numa viajem pelo regional, unindo elementos da black music, do jazz e  do samba, como na faixa  Galega Preta em que ela mostra toda essa diversidade.