Polí­tica

Foto: Divulgação

Durante sessão na Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, 20, o deputado estadual do PR, José Bonifácio iniciou um debate sobre as estradas do Tocantins.  O deputado relatou que na última sexta-feira estava indo para Tocantinópolis, sua cidade natal,passou por vários municípios e se surpreendeu com a  estrada que passa pelo município de Palmeirante. “Estou pedindo por caridade que socorra esta estrada que chora o desprezo de todos os governantes deste Tocantins”, frisou.

 O parlamentar disse que não foi gasto nenhum recurso nos últimos anos no local. “ Quem quiser ver a estrada que vá de helicóptero ou de avião. Duvido que tenha estrada pior do que essa no Estado”, afirmou.

 O também governista Marcelo Lelis (PV) fez coro às palavras do colega parlamentar. “O que o deputado sentiu foi o senti ao ver a calamidade pública das estradas do Sudeste”, disse.  O pevista foi autor de requerimento pedindo providências urgentes do governo com relação à situação das estradas.

 O deputado Eduardo do Dertins (PPS), que presidiu a sessão na manhã de hoje, também falou sobre o assunto e criticou a extinção do Dertins para  a criação da atual Agetrans. “Foi uma opção que comprovadamente não deu certo”, disse.

Oposição

A peemedebista Josi Nunes (PMDB) também falou do assunto e disse que em Dianópolis várias lideranças pediu que ela ajudasse com relação à situação das rodovias. “ Estou gritando a dois anos mas o governador não deve estar ouvido”, disse. Para a deputada é preciso prioridade nos trechos em que apenas recuperação asfáltica não resolve o problema.

 Do PPS, Manoel Queiroz citou que a estrada de Maurilândia e outros municípios do Norte também precisam de atenção do governo. “O gás do governador não apareceu até agora. O gás paralisou, acabou  e não funciona de jeito nenhum”, ironizou Queiroz que afirmou que Siqueira Campos não tem nem 10% de aprovação na região do Bico do papagaio.