Campo

Foto: Divulgação

Com o objetivo de combater a Raiva e promover o controle populacional dos morcegos hematófagos, maior transmissor da doença, equipes da Adapec – Agência de Defesa Agropecuária – fará ações de monitoramento em cavernas e capturas em currais, no município de Rio Sono, a 150 quilômetros, de Palmas, a partir desta segunda-feira, 1º de abril.  A ação atende a notificações de produtores rurais da região que alegaram sugadura de morcegos nos animais.

De acordo com o gerente do Programa Estadual de Controle da Raiva dos Herbívoros, José Emerson Cavalcante Gomes, a eficácia do controle da doença está atrelado a vacinação dos animais, atendimento ao foco e o controle populacional dos morcegos hematófagos. “Percebemos que os produtores rurais estão mais conscientes e participativos, buscando cada vez mais a parceria da Adapec”, disse.

Gomes disse ainda que os trabalhos de capturas ocorrem rotineiramente em diversas regiões do Estado para o controle populacional de morcegos hematófagos e consequente diminuição da transmissão da doença para os animais. “Orientamos a população para notificar a Agência quando observarem sugaduras de morcegos em animais, assim como a existência de abrigos, além de vacinarem anualmente seu rebanho, que é a forma mais eficiente de prevenção da Raiva”, alerta. 

Dados

Em 2011 foram notificados 16 focos de Raiva, que resultaram na morte de 33 animais. Já em 2012 foram registrados 14 focos da doença e a morte de 46 animais. (Ascom Adapec)