Polí­cia

Foto: Divulgação

A Secretaria Estadual da Segurança Pública do Estado do Tocantins divulgou no final da tarde desta sexta-feira, 10, o resultado final da operação PC 27 que foi realizada em todo o território tocantinense na quinta e sexta-feira, e envolveu aproximadamente 250 policias civis dentre Delegados, Agentes e Escrivães das 13 Delegacias Regionais do Interior e da capital. A operação aconteceu a nível nacional em todas as unidades da federação.

No Estado foram apreendidos cerca de 8 quilos de substâncias entorpecentes sendo 5 quilos de maconha, 2 quilos de crack e ainda 1 quilo de cocaína. Também foram presas 82 pessoas mediante cumprimento de mandado de prisão e em flagrante delito. Também foram apreendidos mais de R$ 11 mil em espécie e, ainda oito veículos que eram produto de ação criminosa.

Ao final da operação, o secretário da Segurança Pública, João Fonseca Coelho, acompanhado pelo diretor de Polícia da capital, delegado Hélio Ferreira de Lima e do diretor de Polícia do Interior delegado Alberto Carlos Rodrigues Cavalcante, concedeu uma entrevista coletiva a imprensa onde foram divulgados o números finais da operação PC 27.

Na oportunidade, o Secretário avaliou a ação deflagrada de forma exitosa, tendo em vista que o objetivo maior da operação era combater a criminalidade de forma geral, e esse propósito foi cumprido com eficiência, “Estamos extremamente satisfeitos com o resultado final da operação PC 27, pois conseguimos localizar e prender muitos criminosos foragidos da Justiça e ainda outros elementos que foram capturados em flagrante após cometerem delitos diversos, bem como apreender drogas, veículos e uma grande quantidade em dinheiro”, disse.

O secretário ressaltou ainda, que os resultados obtidos com a PC 27 não se resumem a apenas dois dias de operação, mas “são fruto de um trabalho firme e constante que vem sendo desenvolvido há muito tempo com foco no combate a toda e qualquer atividade criminosa” salientou.

O secretário ainda ressaltou que a Polícia Civil do Tocantins vem desenvolvendo um trabalho com estratégia e inteligência e que vem produzindo ótimos resultados “como se pode notar pelas constantes operações que têm desarticulado organizações criminosas, prendido inúmeros criminosos e apreendido grande quantidades de armas e substâncias entorpecentes nos últimos tempos em todo o estado”, disse. Segundo o secretário mais operações semelhante a essa serão desencadeadas em todo o Tocantins com o intuito de “tornar o Estado um lugar ainda melhor para se viver e criar a família”, concluiu.