Palmas

Foto: Divulgação

O prefeito de Palmas, Carlos Amastha, recebeu nesta segunda-feira, 24, representantes do grupo que organizou manifestação da sociedade civil na capital no último dia 20. Na ocasião foi entregue ao gestor municipal a pauta de reivindicações de melhorias para o transporte coletivo público de Palmas.

O prefeito destacou que vai hoje a Brasília, onde participa de reunião com a presidenta da República Dilma Rousseff para discutir o pacto de melhorias para os serviços públicos. A reunião foi convocada pela própria presidenta e acontece no Palácio do Planalto às 16 horas.

Segundo Amastha, ele vai apresentar à presidente a cópia do Orçamento Geral da União que foi entregue em abril deste ano ao ministro das Cidades, Aguinaldo Velloso Borges Ribeiro, no valor de R$ 246.049.242,39. O prefeito garantiu que vai cobrar mais agilidade na liberação dos projetos.

Ainda em Brasília, às 14 horas, o prefeito cumpre agenda com o ministro das Cidades. “Nossa  reunião já estava marcada e vamos reforçar as necessidades de Palmas, além de pedir a agilidade para liberação dos recursos”, ressaltou Amastha.

Desde outubro de 2012, o atual chefe do poder Executivo vem se reunindo com o ministro em busca de melhores condições para a implantação de drenagem, pavimentação e mobilidade em Palmas.

Diálogo

Entre as áreas que o prefeito solicitou recursos estão passeios com acessibilidade, sistemas de ciclovias, medidas de modernização de tráfego, sinalização viária e elementos que promovam a acessibilidade. Carlos Amastha falou ainda que o sistema de infraestrutura proposto visa à melhoria direta do sistema de transporte coletivo urbano de Palmas.

Na ocasião, o prefeito ressaltou que todas as ações estão sendo planejadas e negou aumento das tarifas do transporte coletivo. “Com o serviço que temos hoje é impossível aumentar a tarifa esse ano”, afirmou.

Ainda segundo o prefeito será realizado nesta terça-feira, 25, uma reunião com diversos segmentos da Capital para apresentar o  que foi discutido e decidido em Brasília.Também será apresentado os projetos que estão sendo desenvolvidos pela atual gestão para o sistema de transporte coletivo.

“Vamos ouvir da sociedade as suas reivindicações. Também será mostrado o que estamos fazendo. Continuamos trabalhando para promover ações de planejamento de curto, médio e longo prazo, de forma a propiciar as ações de infraestrutura de transporte e de mobilidade urbana, dentro da maximização da relação custo benefício”, explicou.

Melhorias

O gestor municipal, também, enumerou algumas melhorias que precisam ser feitas como frota nova dos ônibus, construção de novas estações dentro das normas exigidas, aumentar o horário, o número de ônibus e linhas. Ainda segundo Carlos Amastha, será realizado uma fiscalização maior nos serviços e que as empresas do transporte coletivo já estão cientes das mudanças a serem realizadas.

Reunião

O prefeito anunciou ainda que marcou uma reunião nesta quinta-feira, 27, com o Conselho de Trânsito e Transporte e com o Sindicato das Empresas de Transportes Coletivo Urbano de Passageiros do Tocantins (Seturb).