Polí­cia

Foto: Divulgação

A Policia Civil, por intermédio da 7ª Delegacia Regional de Colinas do Tocantins, deflagrou, na manhã desta terça-feira, 25, mais uma etapa de uma operação que vem sendo realizado desde o dia 15 de fevereiro naquele município.

As 6h da manhã desta terça-feira, 25, mais de 50 policiais civis de Colinas, Araguaína, além de três equipes do Grupo de Operações Policiais Especiais – Gote com o apoio do recém criado grupo de pronta reação da Polícia Civil de Palmas deram início  ao cumprimento de um total de 29 mandados de busca e apreensão e prisão temporária, decretados pela Vara Criminal de Colinas.

De acordo com a coordenadora da operação, delegada Olodes Maria de Oliveira Freitas somente nesta terça-feira, foram cumpridos 20  mandados de prisão temporária e busca e apreensão que resultaram na prisão de 20 pessoas acusadas pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. No total 42 pessoas já foram presas desde o inicio da operação Tanque que teve inicio com a prisão de um traficante em fevereiro. Também foram apreendidos automóveis e motocicletas que estavam em poder das pessoas investigadas e presas, num total de 19 veículos sendo 12 motos e sete carros.

Desde o início da operação mais de 20 quilos de Crack , aproximadamente 3 quilos de maconha, além de aproximadamente R$ 33.000,00 em dinheiro, provenientes da venda de substância entorpecente foram apreendidos em poder dos acusados presos. Além disso, devido ao intenso monitoramento e investigações, a Polícia Civil conseguiu frustrar duas fugas em presídios tocantinenses e mapear todos os pontos de venda de drogas em Colinas.

Somente na data de hoje foram presos; Oséias Gouveia da Silva, 21 anos, Francisca Alves Gomes, 28 anos, Aldirene Jesus dos Santos, 32 anos, Lucivânia Pereira Rodrigues, 23 anos, Alaide Pereira Targine, 50, Waldemir Teotônio de Araújo, vulgo “Finan”, 26 anos, Amauri da Silva Menezes, 22 anos de idade, Douglas Rosa Marques, 30 anos, Ilmar Saraiva, 27 anos, Miquéias de Oliveira Silva, 24 anos, Valéria Rodrigues da Silva, 28 anos, Fernando Sousa do Nascimento , 24 anos vulgo “Ferna”, Maria Silveira de Sousa, 23 anos e Rozelma Darte Marinho, 34 anos, Paula Feitoza das Chagas, 20 anos todos acusados pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

A operação foi comandada pela delegada Olodes Maria de Oliveira Freitas, Titular da Delegacia da Criança e do Adolescente de Colinas, com apoio e orientação do Delegado Regional Dr. Jacyé Ferreira de Assis. A operação também contou com a participação  de Delegados de Colinas e Araguaína.

Para o diretor de Polícia do Interior, Alberto Geofre Vanderley Filho, que prestou apoio à operação, as ações que vem sendo realizadas desde Fevereiro significam um duro golpe na criminalidade, principalmente para as pessoas que se valem da prática do crime de tráfico de drogas em Colinas e região. “A operação realizada em Colinas produziu resultados muito satisfatórios haja vista o grande número de prisões e o alto índice de apreensões de drogas, veículos, dinheiro e demais apetrechos oriundos de práticas criminosas que estavam em poder dos acusados”, concluiu o diretor.

O delegado também ressaltou que a Polícia Civil intensificará os trabalhos em Colinas até que todos os acusados por tráfico e que tem mandado de prisão em aberto sejam localizados e presos. Ele também frisou que estão em curso várias investigações nas maiores cidades tocantinenses e que há um esforço concentrado do Secretário da Segurança Pública e da Chefia da Polícia Civil no sentido de reduzir sistematicamente as práticas delituosas em todo o Estado. (Ascom SSP)