Esporte

Foto: Divulgação

Nesta sexta-feira, 19, os secretários da Administração, Lúcio Mascarenhas, de Planejamento, Flávio Peixoto, da Fazenda, Marcelo Olímpio Carneiro Tavares e o Procurador Geral do Estado, André Luiz de Matos Gonçalves, membros do conselho gestor do governo estão discutindo as medidas de contenção com relação aos gastos na Folha de pagamento.

Os secretários estão fazendo um levantamento de quais pastas já fizeram o corte de 15% em cargos , como foi determinado no mês passado. A redução ficou a cargo de cada secretário.O encontro será durante todo o dia e é o segundo esta semana. Outras medidas de economia na gestão também serão discutidas.

O Estado ultrapassou o limite da lei de Responsabilidade Fiscal com gastos de pessoal e corre contra o tempo para sanar o impasse. A segunda medida foi o envio de projeto á Assembleia Legislativa propondo corte de 25% no salário do governador Siqueira Campos, 20% no do vice, João Oliveira e 10% nos demais cargos de primeiro escalão. Ao todo 106 pessoas terão impacto salarial.