Esporte

Foto: Divulgação

O prefeito Carlos Amastha se reuniu na manhã desta segunda-feira, 12, com membros do Comitê Organizador Local da Copa do Mundo de 2014, o COL, para checar as possibilidades de Palmas se tornar definitivamente um Centro de Treinamento de Seleção do mundial de futebol que acontecerá no Brasil no ano que vem.

O encontro aconteceu no Rio de Janeiro, com a participação de Ricardo Gomide, diretor de futebol do Ministério de Esporte, Frederico Nantes, gerente geral de Competição e Serviços às Equipes e o secretário municipal de Governo e Relações Institucionais, Tiago Andrino.

Segundo Andrino, para que a Capital tocantinense possa se candidatar muito trabalho ainda deverá ser realizado. Como é o caso do Estádio Nilton Santos que deverá atender todos os critérios estabelecidos pelo comitê. "Alterações deverão ocorrer no gramado, no campo, nas estruturas dos vestiários e das arquibancadas" explicou o secretário.

“Estamos empenhando muitos esforços para que nossa Capital possa atender as exigências e daqui há um ano seja anfitriã de atletas de outras partes do mundo. O apoio do Governo Federal nós já conseguimos e tenho certeza que junto com o secretário estadual de Esporte, Eduardo Gomes, faremos de Palmas uma sub-sede da Copa de 2014”, frisou Carlos Amastha. 

Sobre o apoio do Governo Federal, Amastha lembra que no último dia 30 de julho, esteve reunido em Brasília, com o ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, e na oportunidade apresentou projetos destinados ao desenvolvimento do esporte na Capital tocantinense, e ainda, reiterou que Palmas é 100% parceira do Governo Federal.

Além do estádio, o COL avalia ainda o clima, a recepção, as condições  aeroportuárias e o setor hoteleiro. Neste caso a Pousada dos Girassóis II já foi credenciada para receber as delegações.

Próximos passos

A Prefeitura de Palmas deverá receber ainda nesta segunda-feira, 12, um laudo que apresente toda demanda técnica a ser executada. A partir deste levantamento, será elaborado um projeto para ser apresentado ao governo federal. Faltam 304 dias para a Copa. (Secom Palmas)