Estado

Foto: Divulgação

“Desde o dia primeiro de janeiro deste ano a Prefeitura de Palmas trabalha para o palmense, para trazer qualidade de vida à população da Capital e quem quiser apoiar esta ideia é parceira do município”. Foi neste clima de colaboração que Carlos Amastha resumiu o encontro com o governador Siqueira Campos, no Palácio Araguaia, na tarde desta terça-feira, 3, com participação de  membros do primeiro escalão do poder executivo municipal e estadual.

A comunicação entre as esferas estadual e municipal vem se ajustando à medida que as reuniões estão acontecendo. Na pauta, os mais diversos segmentos, entre eles a mobilidade urbana. Neste encontro, o governo do Estado apresentou aos participantes um vídeo em 3D que exemplifica a ideia do Estado em implantar um metrô aéreo na Avenida Teotônio Segurado, a exemplo do que já acontece no Japão. Por outro lado, a Prefeitura de Palmas, por meio do Instituto de Planejamento Urbano (IPUP) está fazendo um estudo técnico geral que vai identificar a viabilidade da tecnologia que deverá ser aplicada, conforme apresentado por Luiz Masaru Hayakawa, titular do Instituto.

Num consenso entre as partes, unir os projetos extraindo os maiores potenciais de cada um vai colaborar com a qualidade do transporte urbano da cidade e melhorar de maneira significativa a experiência dos moradores que atravessam diariamente a capital sentido Norte Sul. 

“O resultado dessa união de pensamentos é evitar um sobrecarregado trânsito da cidade pelo menos pelos próximos 10 anos e integrar a Palmas a ideia de sustentabilidade”, ressaltou Eduardo Siqueira Campos, secretário estadual de Relações Institucionais.

O Prefeito de Palmas reforça o pensamento que um projeto desta grandiosidade só poderá ser viabilizado se Estado e Município trabalharem juntos. “Palmas tem hoje o pior transporte público entre todas as capitais, por isso existe pressa para que um novo sistema seja colocado em prática”, finalizou Amastha. (Com informações da Secom)