Estado

Foto: Divulgação Lúcio Mascarenhas com representantes da Assembleia Legislativa, do Sisepe e da comissão dos aprovados no concurso do Quadro Geral Lúcio Mascarenhas com representantes da Assembleia Legislativa, do Sisepe e da comissão dos aprovados no concurso do Quadro Geral

O secretário de Estado da Administração, Lúcio Mascarenhas, recebeu na tarde desta segunda-feira, 9, representantes da Assembleia Legislativa do Tocantins, do Sindicato dos Servidores Públicos do Estado (Sisepe) e da comissão dos aprovados no concurso do Quadro Geral para repassar informações sobre novas convocações e receber as demandas das entidades. Até o momento, mais de 73% dos aprovados no certame já foram convocados e destes, cerca de 70% já tomaram posse, conforme a Secad. 

Na ocasião, o secretário destacou ainda que até o final do ano mais 713 aprovados no certame devem ser convocados em substituição aos contratos temporários que serão encerrados. “Vencem até o final deste ano mais 713 contratos temporários. Estes contratos serão substituídos por servidores concursados. Destes 1.211 que faltam serem nomeados, 713 serão até o final do ano e os demais até abril do ano que vem”, frisou. 

Ao todo, o governo do Estado convocou 3.304 candidatos aprovados no concurso. Destes, cerca de 70%, ou seja, mais de 2.300 já tomaram posse. A convocação do cadastro de reserva, no entanto, deverá ser analisada após o término de todas as convocações, a partir de abril do ano que vem, segundo Lúcio Mascarenhas. “Passadas as convocações, nós iremos fazer um balanço para determinar quantos candidatos não tomaram posse, para depois acionarmos o cadastro reserva” completou.

Após o encontro, o secretário destacou que todas as demandas encaminhadas à Secad serão analisadas pela pasta e deverão ser respondidas conforme os prazos estabelecidos. Mascarenhas destacou, no entanto, que o cronograma já anunciado, no qual todos os aprovados no concurso vão ser convocados até abril de 2014, deverá ser mantido. “Isso (ação movida pelo Ministério Público Estadual e requerimento aprovado na Assembleia Legislativa, que pede antecipação do cronograma) não vai impedir que o cronograma continue sendo executado”, completou. 

Presente na reunião, a representante da comissão dos aprovados no concurso do Quadro Geral, Kerley Mara Barros Câmara de Azevedo, que apresentou um estudo de viabilidade para a convocação de todos os aprovados, frisou que a meta agora é aguardar um posicionamento do Estado. “O governo manteve a mesma proposta. Nós fizemos uma contraproposta e ele (Lúcio Mascarenhas) se comprometeu a analisar. Vamos aguardar a resposta do governo”, destacou.

Balanço

De acordo com os números da Secretaria de Estado da Administração, depois da última convocação de aprovados, o governo atingiu a marca de mais de 70% da força de trabalho estadual formada por servidores efetivos, representando mais de 86% da folha de pagamento. Conforme o secretário, este número nunca havia sido registrado no executivo estadual. “Nosso Estado nunca teve tantos servidores concursados”, complementou. (ATN)