Campo

Foto: Divulgação Mudas foram destruídas no aterro sanitário de Dianópolis Mudas foram destruídas no aterro sanitário de Dianópolis

A Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins – Adapec alerta os consumidores tocantinenses para que tomem cuidados com as compras de mudas frutíferas ou plantas ornamentais que são comercializadas por vendedores ambulantes. 

Só esta semana foram realizadas duas apreensões de mudas frutíferas e plantas ornamentais que envolviam veículos com placas do município de Herculândia-SP. O primeiro ocorreu em Barrolândia na região central, e o caso mais recente aconteceu em Dianópolis, na região sudeste do Estado. Por isso, a Adapec reforça aos consumidores que antes de adquirir uma muda ou planta frutífera, certifique-se a procedência das mesmas. “É importante certificar a origem do produto, pois quem compra uma muda sem certificação pode colocar em risco outras plantas em casa, pois elas podem conter pragas e com o contato migrar para outras culturas,” alerta o coordenador de Educação, Inspeção e Sanidade Vegetal, Luís Henrique Michelin.

Ainda de acordo com Michelin, a Adapec está reforçando o trabalho de vigilância em todo o estado com o objetivo de combater este tipo de comércio ilegal.

Dianópolis

A operação contou com o apoio da Polícia Militar e foram apreendidas 180 mudas de citrus, que estavam sendo comercializadas ilegalmente por um condutor num caminhão com placa de Herculândia-SP.

Segundo o inspetor agropecuário, Jusélio Domingues Rocha, o condutor estava comercializando as mudas de forma ambulante e não possuía nota fiscal do produtor, termo de conformidade e permissão de trânsito vegetal, documentos exigidos por lei. Após conferir o número de mudas, os fiscais realizaram o termo de apreensão e foi lavrado o auto de infração. Por medidas de segurança, as mudas foram todas destruídas no aterro sanitário do município e o infrator foi orientado a não realizar a comercialização ambulante de mudas no Tocantins, sendo o mesmo liberado com o seu veículo.