Estado

Foto: Divulgação

A Semana Nacional de Conciliação, que encerra nesta sexta-feira (6/12), vem alcançando números expressivos com os acordos. Só nos primeiros dias foram fechados, em todo o Estado, R$ 2.268.160,30 (dois milhões, duzentos e sessenta e oito mil, cento e sessenta reais e trinta centavos), conforme dados da Coordenadoria Estadual.

Nos últimos dias 2 e 3 foram realizadas 915 audiências cíveis, sendo homologados 237 acordos. Já na área criminal foram 79 audiências e 32 homologações. O número de atendimentos chegou a 1.632 só nos dois dias. Muitas destas pessoas chegaram aos Fóruns com pendências judiciárias antigas e voltaram para casa satisfeitas com os acordos.

Em Palmas, representando as partes, os advogados Hilton Peixoto (requerido) e Núbia Conceição Moreira (requerente) fizeram acordo em um caso cível depois de mais de um ano de espera. “Quando você termina um acordo todas as partes saem ganhando”, afirmou Peixoto.

Na avaliação da doutora Núbia Conceição a Semana da Conciliação é fundamental. “Você fica esperando anos e anos e ainda pode vir uma decisão que não é satisfatória para ambas as partes, já com o acordo todas as partes saem satisfeitas. Por isso essa Semana é muito importante”, declarou.            

Avaliação feita também pelo coordenador da Central de Conciliação de Palmas, juiz Nelson Coelho Filho. “A sentença sempre desagrada um ou a ambos, já a conciliação resolve o conflito entre elas, então, com certeza o melhor caminho é a conciliação”.

Com o slogan, “Eu concilio, você concilia, nós ganhamos” a Semana Nacional da Conciliação deve realizar esta sexta-feira 3.832 audiências, destas cerca de 800 estão ocorrendo no Fórum de Palmas, envolvendo cerca 100 voluntários. (Ascom  TJ)