Educação

Foto: Divulgação

Em apenas 40 horas, a Universidade Federal do Tocantins (UFT) recebeu 10.965 inscrições pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do Ministério da Educação (MEC) para ingresso em cursos de graduação de todo o país. Segundo balanço divulgado pela pró-reitoria de graduação, a UFT teve até às 16h da terça-feira (07) 8.498 candidatos inscritos, o que significa que 2.467 candidatos escolheram cursos da UFT em suas duas opções possíveis. As inscrições começaram na segunda-feira (06) e seguem até sexta, dia 10, exclusivamente pelo site do sistema.

Até lá, tudo indica que os inscritos nesta edição do Sisu para a UFT devem superar o número da edição passada, quando a instituição recebeu 16.640 inscrições de 10.640 candidatos e oferecia 196 vagas. No Vestibular 2014/1 são 201 vagas ofertadas por essa modalidade de ingresso, 12,5% do total disponível em 42 cursos de graduação (todos exceto arquitetura e urbanismo).

O número de inscrições é variável uma vez que até o fim do prazo mais candidatos devem se inscrever, e os já inscritos podem refazer suas opções com base nas notas de corte parciais divulgadas diariamente.

Segundo balanço do MEC, o número de inscrições no Sisu passou de 2,7 milhões nas primeiras 24 horas.

Para a vice-reitora da UFT, Isabel Auler, o crescimento do Sisu é reflexo da credibilidade que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), cujas notas são utilizadas no processo seletivo único, conquistou nas últimas edições.

"O Enem ganhou credibilidade tanto pela sua forma de avaliação, que passou a apresentar características mais interdisciplinares e voltadas para a contextualização do conhecimento, quanto no sentido logístico, graças ao envolvimento das universidades federais na elaboração, aplicação das provas, e também na correção das redações", comenta Isabel.

"Essa crescente procura é bastante interessante considerando que no segundo semestre de 2014, 50% das vagas do vestibular da UFT serão reservadas ao Sisu, e a partir de 2015 esta vai passar a ser a única forma de ingresso em nossos cursos de graduação", enfatiza a vice-reitora, lembrando que aqueles que pretendem começar o ensino superior na UFT nos próximos anos precisam se preparar para as próximas edições do Enem.

Por: Redação

Tags: ENEM, Isabel Auler, Sisu, UFT