Polí­tica

Foto: Linda Cristal

A deputada federal Dorinha Seabra Rezende (DEM/TO) fez gestão junto ao Ministério da Educação e conseguiu com o secretário executivo José Henrique Paim a liberação de mais de R$ 15 milhões para construção de unidades de educação infantil, quadras de esporte e escolas de tempo integral e convencionais para o município de Araguaína. O recurso foi confirmado por Paim em reunião ocorrida com a parlamentar e o prefeito Ronaldo Dimas ainda no ano passado, no dia 07 de agosto, e corroborado em 04 de dezembro.

Além disso, também foi confirmado pelo Ministério do Turismo o empenho de R$ 2 milhões para a construção de um parque ecológico no município. O montante de recursos para a Educação e Turismo é de R$ 15.116.880,20.

Na reunião entre Paim, Dimas e Dorinha, o prefeito entregou ao secretário uma lista contendo reivindicações do município para a educação. Entre as solicitações entregues por Ronaldo Dimas, estão como prioridade a construção de três escolas de tempo integral no município, três creches, escolas convencionais urbanas e rurais, além da construção de três quadras poliesportivas dentro de algumas escolas e a cobertura de mais duas quadras que estão em funcionamento.

As creches deverão ser construídas nos setores Jardim dos Ipês III, São Miguel e Universitário. Cerca de 40% desse valor já foi empenhado e a prefeitura já obteve autorização para abrir o processo licitatório para início às obras. O valor total das creches é de R$ 3.615.032,02.

As quadras escolares, que totalizam R$ 1.959.332,18, são para as ruas Rio Lontra, Francisco M. Couto, Rua das Hortênsias, Estrela do Oriente e Avenida São Francisco.

Já as escolas já empenhadas serão construídas no Assentamento Manoel Alves, Povoado Pilões, Assentamento Paraíso, Monte Sinai e Araguaína Sul. O valor é de R$ 7.542.516,00.

Quanto às escolas de tempo integral, o MEC já confirmou que o empenho será feito assim que for aberto o Orçamento da União para o ano de 2014, e serão construídas no Setor Camargo, Vila Azul e Setor Universitário. O empenho estava dependendo apenas de respostas do município às diligências do MEC, que foram respondidas ainda em dezembro.

Também está prevista a liberação de verba para a construção de escolas Polo UAB, Novo Horizonte, Vila Azul e Projeto Assentamento Rio Preto.

Babaçulândia

Através de intervenção da Professora Dorinha, a cidade de Babaçulândia também foi contemplada com recursos para as áreas de Educação e Saúde.

A parlamentar conseguiu a liberação de R$ 1.021.956,00 do MEC para a construção de uma escola e R$ 500 mil da Fundação Nacional de Saúde para implementação de melhorias sanitárias.