Polí­cia

Foto: Ascom SSP

A equipe de Policiais Civis da Divisão de Roubo a Bancos da Delegacia Estadual de Investigações Criminais (DEIC) sob o comando da delegada, Liliane Albuquerque Amorim prendeu, na noite da última sexta-feira, 17, Hígor Costa Nunes, 18 anos de idade. O jovem é acusado, juntamente com outros comparsas de efetuar dois assaltos a uma casa lotérica do município de Novo Acordo, sendo a 1ª em 2013 e a 2ª no início de  2014.

Segundo a delegada Liliane, responsável pelas investigações, o primeiro roubo aconteceu no dia 07 de novembro de 2013. Na ocasião, Hígor, e outro elemento, armados com revólveres calibre 38, subtraíram a quantia de R$ 8.500,00 reais dos caixas e, também do cofre da lotérica. Após, cometer o crime, os acusados fugiram em um veículo rebaixado de cor prata.

No dia 15 de Janeiro de 2014, novamente dois indivíduos, desta vez fazendo uso de capacetes e portando armas de fogo, invadiram a mesma casa lotérica em Novo Acordo e, mediante ameaças, levaram cerca de R$ 8.000,00 reais do estabelecimento comercial. Durante a fuga, o veículo modelo Golf de cor vermelha que os assaltantes utilizavam, apresentou problemas mecânicos e, por esse motivo foi abandonado em uma estrada vicinal.

Logo após, o primeiro assalto, a equipe de policiais civis da Divisão de Roubo a Bancos da DEIC, identificou dois elementos que teriam participado do primeiro crime. Diante disso, a PC representou pela prisão preventiva de ambos sendo que um deles era Hígor Costa Nunes. Todavia, no dia 15 de janeiro, dia em que a prisão preventiva dos dois acusados foi expedida, os mesmos assaltaram novamente a lotérica.

No entanto desta última vez, os policiais civis encontraram dentro do veículo Golf abandonado, um documento pertencente a Hígor o que só reforçou as investigações da Deic de que se tratava mesmo de um dos acusados pelos roubos a lotérica. Diante dos fatos, após uma campana realizada pelos agentes da DEIC, Hígor Costa Nunes foi preso por volta das 20h da sexta-feira, 17 quando estava próximo a sua residência situada na Quadra 607 Norte, em Palmas.

Após os procedimentos cabíveis, o jovem foi conduzido à Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPPP) onde permanecerá a disposição do Poder Judiciário. As investigações forma intensificadas no sentido de localizar e prender os demais acusados pelos assaltos, em Novo Acordo. (Ascom SSP)