Polí­cia

Na noite da ultima quinta-feira, 27, policiais militares da cidade de Peixe, região sul do Estado, pertencente ao 4º Batalhão da Polícia Militar, efetuaram a prisão em flagrante de Antônio Alves de Oliveira, 37 anos e de Valdemir Alves de Oliveira, 33 anos. Ambos são acusados de tentativa de homicídio contra o advogado Iron Martins Lisboa e seu cliente José Dias Ribeiras.

No momento da prisão, Antônio conduzia a motocicleta Honda Bross, cor preta, placa NGC-2189 de Palmeirópolis – TO e Valdemir conduzia o veículo Fiat Siena, cor prata, placa GSM-9233 de Jau do Tocantins.

Tudo indica que a tentativa de homicídio pode se tratar de uma vingança, tendo em vista que José Dias Ribeiras é acusado de ter matado Eule Rodrigues de Oliveira no dia 23 de outubro de 2011, no município de Jaú do Tocantins, e que Antônio é acusado de ser o autor dos disparos contra ele, é irmão de Eule Rodrigues.

A PM foi acionada pelas vítimas, as quais disseram que retornavam de uma audiência ocorrida no Fórum da cidade de Peixe, trafegando pela BR-242 em uma caminhonete particular do advogado, e quando se aproximavam da Vila Quixaba, foram ultrapassados pelo veículo Siena. Logo à frente, já no perímetro urbano da vila, um dos suspeitos (Antônio) desceu do automóvel e ficou em um “quebra-molas” aguardando a passagem das vítimas. No momento em que passavam pelo redutor de velocidade, o suspeito teria efetuado dois disparos em José Dias, porém o advogado é quem foi atingido na mão direita.

Após os disparos, os suspeitos se evadiram rumo à cidade de Peixe e as vítimas seguiram para a cidade de Gurupi, onde noticiaram os fatos à PM e receberam assistência médica. Em seguida foi realizado o Plano de Cerco e Bloqueio das vias adjacentes ao local do fato, foi efetuada a prisão dos suspeitos, os quais já haviam se separados, estando um deles no Fiat Siena e outro na motocicleta, ambos em fuga, sentido à cidade de Peixe.

Os suspeitos negaram a prática do crime, porém foram reconhecidos pelas vítimas, razão pela qual a PM os conduziu à Delegacia de Peixe e os apresentou juntamente com os veículos utilizados por eles durante a ação delituosa. Apesar das buscas, a arma utilizada na prática do crime não foi localizada. (Ascom PM)

Por: Redação

Tags: Peixe, Polícia, Polícia Militar