Educação

Os estudantes da comunidade São Joaquim, zona rural de Porto Alegre do Tocantins, poderão agora ter seus direitos garantidos com a recuperação das estradas e da ponte, bem como a readequação do transporte escolar o que possibilitará que possam se matricular na Rede de Ensino do Município.

A garantia foi dada pela Prefeitura Municipal, por meio do Ofício nº 107/2014, de 8 de maio de 2014,  após Recomendação da Defensoria Pública em Almas que solicitou as melhorias para que os alunos que hoje estudam em Almas devido as precariedades das estradas e a situação da ponte sobre o Córrego Riacho Duouro possam frequentar as escolas de Porto Alegre do Tocantins. Conforme o Ofício, assinado pela prefeita Edvan Pereira Nepomoceno, é de inteiro comprometimento solucionar essa situação, seguindo cronograma de obras, estando o Município em agosto pronto para receber os alunos.

“Fomos procurados pelos pais dos alunos nos pedindo ajuda para solucionar o problema que vinha afligindo toda aquela comunidade rural, a qual sofria com a dificuldade de transporte até o município de Porto Alegre devido às péssimas condições da estrada e da ponte que dá acesso à localidade. Com essa feliz atitude da Administração Municipal de Porto Alegre temos a convicção de que não apenas os alunos se beneficiarão como toda a coletividade daquela região, já que terão agora mais fácil acesso à sede do Município”, colocou o defensor público Hud Ribeiro, autor da Recomendação. (Ascom Defensoria Pública)