Polí­tica

Foto: Divulgação

Através de intervenção da deputada federal Seabra Rezende (DEM/TO), junto ao Governo Federal, as cidades de Lagoa da Confusão e Pedro Afonso serão beneficiadas com a implantação de unidades de ensino do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnológia do Tocantins (IFTO).

A implantação foi oficializada nesta quarta-feira, 18, durante o lançamento da segunda etapa do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e ao Emprego – Pronatec, no Palácio do Planalto, em Brasília, feito pela presidente Dilma Rousseff e o ministro da Educação Henrique Paim. Participaram ainda da solenidade o reitor do IFTO, Francisco Nairton e o prefeito de Lagoa da Confusão, Neto Lino.

Em Lagoa, haverá os cursos de Assistente Administrativo, Tratorista e Técnico em reparo e conserto de computador. A primeira turma já deverá ser formada em agosto. Já em Pedro Afonso, o instituto está analisando a demanda para a implantação dos cursos o mais breve possível.

No final de 2013, a parlamentar havia feito a solicitação ao então Secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Marco Antônio Oliveira, que atendeu a deputada e confirmou a implantação de unidade de ensino descentralizada do IFTO em Lagoa da Confusão. Também está prevista a instalação de outra unidade do instituto na cidade de Pedro Afonso.

Segundo Dorinha, além da localização estratégica, ambos os municípios são grandes produtores de soja, melancia, cana-de-açúcar, e até mesmo uva, como é o caso de Lagoa da Confusão. Além disso, o Governo do Tocantins está implementando o Programa de Desenvolvimento da Região Sudoeste do Tocantins, o Prodoeste, que visa fortalecer e priorizar a agricultura irrigada utilizando as potencialidades regionais associadas a melhorias sociais. “Para que esse programa alcance esse objetivo, é de fundamental importância a implantação de uma escola técnica profissionalizante para fornecer mão de obra especializada”, disse

No final de 2013, a parlamentar havia feito a solicitação ao então Secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Marco Antônio Oliveira, que atendeu a deputada e confirmou a implantação de unidade de ensino descentralizada do IFTO em Lagoa da Confusão. Também está prevista a instalação de outra unidade do instituto na cidade de Pedro Afonso.

Segundo Dorinha, além da localização estratégica, ambos os municípios são grandes produtores de soja, melancia, cana-de-açúcar, e até mesmo uva, como é o caso de Lagoa da Confusão. Além disso, o Governo do Tocantins está implementando o Programa de Desenvolvimento da Região Sudoeste do Tocantins, o Prodoeste, que visa fortalecer e priorizar a agricultura irrigada utilizando as potencialidades regionais associadas a melhorias sociais. “Para que esse programa alcance esse objetivo, é de fundamental importância a implantação de uma escola técnica profissionalizante para fornecer mão de obra especializada”, disse