Cultura

Foto: Angélica Mendonça A abertura dos festejos contou com a presença do governador e foi marcada por cavalgada pela cidade A abertura dos festejos contou com a presença do governador e foi marcada por cavalgada pela cidade

O tradicional festejo de Nossa Senhora Aparecida teve início nesta quarta-feira, 16, em Aparecida do Rio Negro, a 45km de Palmas. A abertura dos festejos, que contou com a presença do governador Sandoval Cardoso, foi marcada por cavalgada pela cidade e levantamento do mastro.

O prefeito do município, Deusimar Amorim, explicou que a tradição dos festejos teve início em 1965, quando o local ainda era um povoado. "É uma tradição em homenagem a nossa padroeira e é a época em que o povo e os filhos dessa cidade se reúnem em festa", comentou.

Para Sandoval Cardoso, é importante valorizar as manifestações religiosas que acontecem em Aparecida e em outras tantas cidades do Estado. "Tenho consciência que a religião, além de participar da formação familiar, faz parte da administração pública. É uma festa de cultura e integração das pessoas da cidade. Gosto e venho participar com muito prazer", frisou.

O comerciante Nei Rodrigues participou da cavalgada e disse que a festa fica a cada ano mais bonita. "É coisa boa de mais. A melhor coisa aqui da cidade e todo ano fica melhor, com mais gente participando e deixando a festa mais bonita", afirmou.

Para o prefeito, a cavalgada é ideal para marcar o início dos festejos que unem celebração religiosa e festividade do município. "Com nossa vocação de pecuária e agricultura, não poderia faltar essa cavalgada", comentou.

Os festejos que seguem até o dia 21 de julho, quando ocorre a derrubada do Mastro, incluem programações religiosas como missas e batizados, além de quermesse, leilões e shows. (ATN)