Campo

Foto: Divulgação

Com o objetivo de estimular a consciência ambiental na produção de alimentos, a Agência de Defesa Agropecuária-Adapec em parceria com oInstituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (inpEV), Central de recebimento de embalagens vazias de agrotóxicos de Silvanópolis e revendas realizará mais uma ação de recolhimento itinerante de embalagens vazias de agrotóxicos no Projeto São João, localizado no município de Porto Nacional. A ação acontecerá na quarta-feira, 13, no galpão central das 8h às 16h. A expectativa é atender mais de 150 produtores rurais da região.

O Recolhimento Itinerante (RI) das embalagens vazias de defensivos agrícolas foi implantado no Tocantins em 2013, para facilitar o processo de devolução dessas embalagens. O intuito é abranger os agricultores familiares, pequenos agricultores e assentamentos que ficam distantes das unidades de recebimento. “É uma maneira de viabilizar a devolução das embalagens utilizadas nas lavouras e conscientizá-los da importância de fazer a devolução correta, tríplice lavagem, uso do Equipamento de Proteção Individual-EPI”, disse a coordenadora de Inspeção Vegetal da Adapec, Ingergleice Machado acrescentando que esta ação também orienta sobre os riscos ao meio ambiente e a saúde humana decorrentes do descarte incorreto.

Esta ação já percorreu o Projeto São João em 2013. Este ano já foi contemplado o Projeto Manuel Alves em Dianópolis, a região do Bico do Papagaio, nos municípios de Buriti do Tocantins, Axixá e Araguatins. Para os próximos meses ainda serão visitados os municípios de Miracema, Miranorte, Araguaçu, Pau D'arco, Xambioá, Barrolândia, Rio dos Bois e Divinópolis.

No momento da devolução, a Central de Silvanópolis emitirá o comprovante de recebimento das embalagens vazias. Vale lembrar que no rodapé da nota fiscal de compra do produto, o agricultor pode visualizar o local indicado para que aquela embalagem seja devolvida.

Recolhimento Itinerante

Este modelo de recebimento de embalagens vazias de agrotóxicos está sendo implantado em todo o País pelo Inpev e órgãos de defesa. No Tocantins foram criados 11 pontos de coletas itinerantes, para complementar o trabalho realizado nas sete unidades já existentes. Os municípios que terão pontos itinerantes de coleta são: Porto Nacional (Projeto São João), Miranorte, Miracema, Barrolândia, Xambioá, Pau D’arco, Rio dos Bois, Araguaçu, Buriti do Tocantins, Axixá e Araguatins. (Ascom Adapec)

Por: Redação

Tags: Adapec, Ingergleice Machado