Saúde

Foto: Divulgação

Quem faz uso de cotonetes pensando em estar fazendo algo de bom para sua saúde dever rever seus conceitos, e logo. A dica é geral entre médicos especialistas nesta área: limpar ouvidos com hastes flexíveis, mais conhecidos como cotonetes, só atrapalha e pior, pode causar até surdez.

Isso porque o hábito de limpar ouvidos prejudica o processo já natural do corpo humano em empurrar para fora, ao realizar o movimento de mastigação ou mesmo da fala, a cera que já não está exercendo seu papel de proteção.

“Ao usar estas hastes com algodão a pessoa tem a sensação de estar limpando o ouvido, mas na verdade ela estará empurrando a cera para locais onde não será possível que o próprio corpo humano expulse-a e isso poderá gerar o acúmulo da cera, o que pode acarretar em dores e infecções”, explica Wilian Mattos, médico especialista em Otorrinolaringologia.

Apesar de a cultura geral considerar a cera de ouvido como a ser removido, esquece-se de sua verdadeira função, a de manter o canal auditivo limpo, pois cabe a ela o papel de bactericida deste local.

“Além de desproteger seu ouvido, ao limpá-lo de maneira inadequada, a pessoa também corre o risco de bloquear o canal auditivo, levando à perda de audição e até mesmo a ruptura do tímpano”, lembra Dr. Wilian Mattos.

Confira abaixo dicas do especialista para a limpeza correta de seus ouvidos:

- A maneira de retirar o excesso de cera sem prejudicar o ouvido é fazer esta limpeza logo após o banho, utilizando uma toalha e limpando somente até onde o dedo alcança assim a cera não será empurrada em direção ao tímpano.

- Use cotonetes somente para a limpeza do ouvido externo, ou seja, parte do ouvido que você possa ver.

- Para uma limpeza interna consulte seu médico otorrino, ele irá indicar se há realmente a necessidade, como no caso de se notar mudanças na audição que possam ser relacionadas a um acúmulo de cera. 

Por: Mary Araujo (colaboração)

Tags: Otorrinolaringologia, Wilian Mattos