Palmas

Foto: Valério Zelaya

Visando implantar os conhecimentos acadêmicos na segurança preventiva da Capital, o secretário de Segurança Defesa Civil e Trânsito, Francisco Viana, assinou Termo de Intenção de Convênios nesta sexta-feira, 22, com representantes da Universidade Federal do Tocantins (UFT) e Instituto Federal do Tocantins (IFTO). As assinaturas aconteceram  na sede do Instituto de Previdência Social do Município de Palmas (PreviPalmas).

Com a Polícia Federal e a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), o termo refere-se a convênio para que a Guarda Metropolitana de Palmas (GMP) exerça o policiamento interno da área do aeroporto, através da parceria e suporte técnico da Infraero, Polícia Federal e Polícia Civil.  De acordo com a Secretaria de Segurança, Defesa Civil e Trânsito, o objetivo é desenvolver ações de controle de embarque armado e registro de ocorrência.

Segundo o secretário da pasta, Francisco Viana, a GMP terá uma base fixa no saguão do Aeroporto Brigadeiro Lysias Rodrigues. “Faremos o controle de embarque armado e registro de ocorrências, como também a segurança do local por videomonitoramento”, disse.

O Superintendente da Infraero no Tocantins, Afrânio Marques, completa que esta parceria é de suma importância para a Capital, ressaltando que o Aeroporto de Palmas é a principal entrada de pessoas no Estado. “Precisamos dar a sensação de segurança aos nossos usuários, e estas parcerias são cada vez mais necessárias para que isso se torne possível”, enfatizou.

Para o diretor de Tecnologia da Universidade Federal do Tocantins (UFT), Juliano Rios, o convênio vem possibilitar o compartilhamento da rede metropolitana de fibra ótica. “É muito importante para a sociedade o aproveitamento do conhecimento produzido pela Universidade, possibilitando um resultado concreto para os palmenses”, ressaltou.

Francisco Nairton, reitor do Instituto Federal de Tecnologia do Tocantins (IFTO), ressaltou que por meio de convênios como este é que o IFTO cumpre a sua missão, que é poder fazer chegar ao cidadão os resultados das pesquisas aplicadas desenvolvidas pela instituição. “Já estamos com pesquisas embrionárias, que já pode ser utilizada na segurança preventiva, melhorando a segurança dos cidadãos palmenses, e ainda podemos ampliar estas pesquisas, direcionando cada vez mais para o bem estar da sociedade”, afirmou o reitor.

O secretário de  Segurança Defesa Civil e Trânsito, Francisco Viana, ressaltou a importância da parceria com os órgãos, lembrando que o Município sozinho não consegue garantir a segurança para a Capital. “Precisamos desenvolver ações concretas, todos os órgãos parceiros tem muito a contribuir com a Capital, e também a iniciativa privada estará junto com o Município para levar segurança para os palmenses”, completou.

UFT-TO

O convênio com a Universidade Federal do Tocantins (UFT) possibilitará o compartilhamento da rede metropolitana de fibra ótica. “Com esta parceria iremos ampliar a atividade de radio- comunicação da nossa guarnição, melhorar  captação de imagens das nossas câmeras de videomonitoramento, e dar a manutenção dos equipamentos da rede”, disse Viana.

 IFTO

A parceria com o Instituto será feita para o desenvolvimento de equipamentos que realizarão vigilância pública por meio de veículo aéreo não tripulado (Vant), conhecido como drone.

Será desenvolvido, no prazo de 12 meses, um projeto experimental, através do  projeto de pesquisa do IFTO,Veículo Aéreo Sempre Alerta (Vasa), quando, em parceria com a GMP, Polícia Militar,  serão usados  Veículos Aéreos Não Tripulado (Vant), em uma área comercial da Capital, através do projeto Guardião Comercial,  com o objetivo de melhorar  o trabalho de monitoramento e segurança da Capital.https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif (Secom Palmas)