Polí­tica

Foto: Divulgação

“Precisamos de jovens para oxigenar a política, para trazer ideias novas e energia positiva”, foi uma das afirmações da senadora candidata à reeleição Kátia Abreu (PMDB) em comício que reuniu centenas de pessoas no bairro Maracanã em Araguaína na noite deste último sábado, 6. Iniciando com uma prestação de contas dos seus oito anos de mandato no Senado, Kátia Abreu disse que o Tocantins teve bons governos – dos quais ela também participou – pois, segundo ela, “foram construídas estradas, pontes, hospitais e tudo o mais que temos no nosso Estado”, mas que o problema se concentraram nos últimos quatro anos, em que o governo do Estado “parou para perseguir Marcelo Miranda”.

Num tom ameno, a senadora exortou os eleitores a votar, porque “votando ou não, alguém será eleito” e a depois fiscalizar a atuação dos que se elegeram, e novamente fez referência aos baixos índices na educação pública no Estado apontados Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) esta semana: “A falta de educação, a educação de má qualidade, é como uma venda nos nossos olhos. Temos que avançar na educação, e não retroceder, porque só assim, com conhecimento, vamos tirar essas vendas dos olhos e acompanhar o que acontece ao nosso redor”, disse a senadora, que pediu ao público que se informe, procure na internet, nos blogs, nos meios de comunicação, acompanhar a vida pública dos políticos para distinguir quem merece ou não representar as pessoas. “Estamos cansados de corrupção, não aguentamos mais”, disse a senadora.

Kátia Abreu voltou a falar que a saúde será uma de suas prioridades junto ao próximo governo do Estado, do início da construção, em Araguaína, do Centro de Acolhimento para Dependentes Químicos para o qual já conseguiu empenhar R$ 1 milhão, do combate às drogas, “vamos atacar esse crack com as duas mãos” e disse que “não é hora de chorar sobre o leite derramado”, referindo-se ao fracasso do governo passado e do atual “que não tiveram competência, vontade nem compromisso com o povo” e garantiu que dois meses após a posse do próximo governo  já se poderá notar algumas mudanças. “Vamos virar o jogo e fazer do Tocantins o melhor lugar para se viver”, disse a senadora. (Assessoria de Imprensa)

Por: Redação

Tags: Araguaina, Eleição 2014, Kátia Abreu