Esporte

Foto: Lucas Nascimento Delegação tocantinense foi recebida na Seduc pela secretária Adriana Aguiar e pelo vice-governador Tom Lyra Delegação tocantinense foi recebida na Seduc pela secretária Adriana Aguiar e pelo vice-governador Tom Lyra

Os alunos atletas que participaram da primeira etapa dos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), em Londrina, Paraná, retornaram ao Tocantins nesta terça-feira, 9, e foram recebidos na Secretaria de Estado da Educação e Cultura pela secretária Adriana Aguiar e o vice-governador Tom Lyra. Na bagagem, a delegação que disputou as modalidades individuais dos jogos, categoria 12 a 14 anos, trouxe uma medalha de prata no ciclismo feminino e uma de bronze, no judô masculino.

Ao recepcionar os atletas, a secretária parabenizou os estudantes pela participação na competição nacional e ressaltou a evolução do Estado nos Jogos Escolares da Juventude. “Vocês deram o melhor de vocês, eu tenho certeza disso. Nós temos muito orgulho por vocês terem ido lá representar todos os jovens do Tocantins”, disse.

Durante o encontro, o vice-governador destacou a importância do incentivo à prática esportiva, principalmente na fase escolar. Segundo Tom Lyra, a dedicação dos atletas tocantinenses fortalece o esporte no Tocantins. “O Estado fica muito feliz por ter jovens que se disponham a dedicar um pouco do tempo à pratica do esporte. Vocês são um exemplo para outros colegas, para que se dediquem da mesma forma”, completou.

Entre os atletas e professores que chegaram de Londrina na manhã desta terça-feira, 9, o clima era de alegria e realização pela experiência, apesar de ficarem uma semana fora de casa. “O cansaço é o de menos. O que fica de verdade é a experiência que conseguimos, as pessoas que nós conhecemos. Nós temos a oportunidade de conviver com outros atletas e ver outros movimentos”, comentou Ana Vitória Pires Machado, atleta da ginástica rítmica.

Medalhista de bronze no judô, Jonas Irwing destacou que pretende se dedicar ainda mais ao esporte para melhorar a marca no ano que vem, quando subirá para a categoria de 15 a 17 anos. “No ano passado eu consegui uma medalha de prata e este ano eu treinei para buscar o ouro. O bronze serve de incentivo para me dedicar ainda mais”, destacou. Além de Jonas, o Tocantins garantiu outra medalha com a aluna Ana Beatriz Nazeozeno, prata no ciclismo.

Evolução e vivência

Orgulhoso pela evolução no atletismo, o professor Max Augusto do Carmo, do município de Ponte Alta, ressaltou a dedicação dos alunos aos treinamentos como ponto forte na competição. “Vejo que este ano a evolução foi muito grande, com muitos atletas nossos chegando às finais, mesmo não trazendo medalhas. A gente percebe que um evento como este proporciona uma experiência muito positiva para os alunos conhecerem outros atletas, novas culturas, e fazerem amizades”, frisou.

Para o atleta Wanderson dos Santos Silva, quarto lugar no lançamento de disco, a oportunidade que os Jogos proporcionam aos estudantes vai muito além do esporte e serve de inspiração para toda a vida. “É uma alegria poder viajar, conhecer outros lugares. Isso dá um incentivo a mais para o treino”, explicou o estudante, que participou pela segunda vez da competição nacional.

Modalidades coletivas

Permanecem em Londrina os alunos atletas que competem nas modalidades coletivas, como basquetebol, voleibol, handebol e futsal. Os jogos, que tiveram início na manhã de hoje, seguem até o próximo sábado, 13. (Ascom Seduc)