Polí­tica

Foto: Divulgação

A senadora e candidata a reeleição Kátia Abreu (PMDB) declarou na quinta-feira, 19, em Araguaína, durante comício no setor Céu Azul que a cidade vai contar com a maior obra de saúde do Norte do Brasil. O Centro de Reabilitação e Readaptação (Crer), cujas obras, segundo a senadora, terão inicio ainda este ano. A Senadora informou que já foram liberados R$ 5 milhões para o inicio da obra que está em fase de licitação.

“O grande sonho da minha vida era ter um Sara Kubistchek no Tocantins”, disse a Senadora ao se referir ao hospital de acidentados de Brasília, referência em reabilitação. A Senadora conta que foi à presidente Dilma Rousseff falar do seu desejo de trazer para o Estado uma unidade de saúde como aquela e recebeu o apoio da presidente que autorizou a liberação de recursos para a construção de um Centro de Reabilitação e Readaptação nos moldes do Crer Dr. Henrique Santillo, de Goiânia.

“Quando eu cheguei ao Crer em Goiânia fiquei abismada com aquela maravilha, um hospital de alto nível, tudo de graça, os pacientes cada um com um fisioterapeuta, aquele trem eu me arrepiava e chorava, ao ver”, afirmou a senadora que não conhecia o hospital e voltou empolgada com a possibilidade de construir um daqueles no Tocantins. Kátia conta que não apenas conseguiu o hospital dos seus sonhos como conseguiu a parceira da equipe do Crer que vai ajudar na implantação e na gestão da nova unidade.

“O que mais me chamou atenção na Senadora é a sua coragem em buscar recursos para o nosso Estado e a boa ligação que ela tem com a presidente. Kátia tem colocado o Tocantins em destaque. O Tocantins tem nome agora, tem representatividade. Com ela lá é certeza que os recursos virão. Ela é guerreira, de luta, sabe trabalhar é de nossa confiança e merece o nosso apoio”, disse a comerciária e moradora do bairro Mirian Alves da Costa, 30 anos, ao elogiar a fala da senadora que considerou sincero e convincente.

Em seu discurso no bairro Céu Azul a senadora Kátia Abreu voltou a acusar o governo de desviar recursos dos hospitais para fazer obras eleitoreiras. A senadora revela que obteve informações que os R$ 500 milhões de empréstimos junto ao BNDES para construção dos hospitais regionais que ajudou viabilizar para o Tocantins foram desviados para construção de obras eleitoreiras. A senadora suspeita que o dinheiro dos hospitais estão sendo usado para a recuperação de asfalto feito às pressas, de qualidade duvidosa, em troco de apoio político.

A senadora explicou aos moradores que solicitou junto ao BNDES informações sobre a movimentação desses recursos para tomar as devidas providências. “Não vou arredar pé, a 90 dias estou atrás dessas informações esta semana recebi esta denúncia e vou apurar”, garantiu a senadora.

Crer de Araguaína

O Centro de Reabilitação e Readaptação de Araguaína (Crer) terá capacidade para atender 1.200 pessoas por dia. Contará com 50 apartamentos com duas camas cada, seis centros cirúrgicos, 20 leitos de UTI, 38 consultórios, laboratórios para exames clínicos, salas de fisioterapia, ginásio poliesportivo, oficina ortopédica e etc. A obra orçada em R$ 65 milhões será referência para a região Norte do Brasil. Os recursos já estão empenhados junto ao Ministério da Saúde.

Dos R$ 500 milhões que a senadora Kátia Abreu conseguiu viabilizar para o Tocantins, mais da metade se destina a saúde, R$ 200 milhões dos quais serão investidos em Araguaína na construção do Hospital Regional e do Centro de Reabilitação e Readaptação (Crer). A senadora destinou recursos ainda para a aquisição de mamógrafos e um tomógrafo dentre outros benefícios.

Participaram do comício no bairro Céu Azul o ex-prefeito Joaquim Quinta, o ex-secretário do Trabalho e Assistência Social (Setas) Agimiro Costa, o ex-vice-prefeito Carlixto Valadares, Jota Patrocínio, Joaquim Quinta Neto, o ex-secretário da Agricultura e líder ruralista Nasser Iunes, os vereadores Rejane do Socorro Ribeiro (DEM), Rosewelt Fernandes Cormineiro (PSDB), Silvinha Pereira de Souza, Silvinha do Sintet (PT) e José Pereira de Barros Filho, o  Ferrerinha (PMDB), ainda os ex-vereadores Chico Doido e Antonio Leite, dentre outras líderes locais.

A senadora Kátia Abreu permanece em Araguaína nesta sexta-feira, 19, onde cumpre agenda de campanha durante todo o dia. Faz visita ao comércio, participa de reuniões com segmentos organizados da sociedade e de mini-comício no Entroncamento.