Polí­tica

Foto: Arquivo Conexão Tocantins

Os vereadores Antônio Francisco (PSDB), Lindon Jonson Miguel (PP), Dione Mendes (PTB), Reginaldo Ress, Ricardo de Lima (PDT) e Paulo Cesar Xavier (PMDB) encaminharam um ofício para o Tribunal de Justiça nesta quarta-feira, 29,onde pedem que o órgão inaugure logo a unidade judiciária construída no município e que teve as obras concluídas.

Segundo o vereador Francisco informou ao Conexão Tocantins a população aguarda a inauguração da obra. “ Já está concluída e deveria estar servindo à comunidade mas até agora nada”, frisou.

No documento encaminhado ao TJ os vereadores afirmam que a unidade já deveria estar em funcionamento há aproximadamente dois anos e temem que o prédio fosse repassado para a prefeitura. “ Nós não queremos que passe a prefeitura para lá, queremos que funcione o judiciário”, externou o vereador.

O ofício, que foi encaminhado também para o governador Sandoval Cardoso (SD), é assinado também por alguns empresários da cidade.

Procurado pelo Conexão Tocantins o Tribunal de Justiça informou que a obra da Unidade Judiciária de Combinado, integrante da Comarca de Aurora do Tocantins, já está em fase de conclusão, aguardando vistoria por parte da Diretoria de Infraestrutura e Obras do TJTO.

O Poder Judiciário ainda acrescentou que, o Tribunal Pleno, em 6 de junho de 2013, autorizou a realização de convênio com o Estado do Tocantins, para cessão temporária das unidades judiciárias, priorizando órgãos que integram o Sistema de Justiça.

Na cidade circula a informação de que o Estado pretende ceder o prédio para o funcionamento da prefeitura mas que o judiciário deve ter também um espaço reservado.