Polí­tica

Foto: Divulgação Iderval disse que uma transição neste momento atrapalharia o governo Iderval disse que uma transição neste momento atrapalharia o governo

O governo ainda não se manifestou oficialmente sobre a transição para a nova gestão mas aliados da atual gestão não vêem motivo para pressa. É o que defende o deputado estadual Iderval Silva (SD) que em entrevista ao Conexão Tocantins afirmou considerar desnecessária uma transição neste momento.

“O governo não pode parar para o Estado fazer transição. Em 15 dias se faz isso não precisa começar agora, até porque o próximo governo não vai consertar nada na atual gestão”, disse o deputado.

Iderval chegou a dizer que uma transição neste momento atrapalharia o governo. “O governador está tentando organizar tudo e uma transição agora ia atrapalhar, eu mesmo não concordo com transição e na verdade nem é obrigatório porque como a própria Constituição diz, o governo começa só em 1º de janeiro”, afirmou.

Sobre as dificuldades da atual gestão no final do governo o deputado avaliou que não é culpa do atual gestor. “ Desde quando Sandoval assumiu é uma luta diária”, disse.

Comissão

O grupo de apoio ao governador eleito Marcelo Miranda (PMDB) já finaliza a escolha dos nomes para a comissão, muitos deles, serão indicados pelos partidos aliados sob aprovação final de Miranda. O coordenador da comissão, ex-secretário Herbert Brito frisou que aguarda a resposta do governo e que a nova gestão está preocupada com a situação econômica do Estado.

O presidente do PV, deputado estadual Marcelo Lelis disse que a legenda ainda está aguardando a orientação do coordenador da comissão para indicar os nomes da comissão.