Saúde

Foto: Imagem ilustrativa/da web

A Campanha Nacional de Vacina contra Poliomielite e Sarampo foi prorrogada até o dia 12 de dezembro com intuito de imunizar as crianças e manter Palmas livre da poliomielite (paralisia infantil), evitando também a disseminação dos casos de sarampo.

Até o momento foram vacinadas 9.494 crianças contra sarampo, sendo assim apenas 55% da meta foi atingida. Contra paralisia infantil 9.850 foram vacinadas, o que corresponde a 50,22% da meta estipulada.

O secretário de Saúde, Luiz Teixeira, ressalta que o Brasil não conseguiu atingir a meta e pede para que as mães palmenses levem seus filhos para vacinar. “Foi necessário prorrogar, pois diversos estados não conseguiram atingir a meta estipulada. Pedimos que todas as mães cumpram com o compromisso de  imunizar as crianças”, explicou o Secretário.

O objetivo é vacinar 19.612 crianças a partir de 06 meses até menores de 05 anos, contra poliomielite, e 17.255 crianças a partir de 01 ano até menores de 05 anos, contra sarampo no Município.

A Secretaria Municipal de Saúde disponibiliza 30 salas de vacina nas Unidades de Saúde da Família (USF) em Palmas que atendem durante todo o dia de segunda a sexta. E equipes para realizar a vacinação nas crianças na Zona Rural. Lembrando que para vacinar uma criança basta ir à Unidade de Saúde da Família com o Cartão de Vacinação em mãos. (Secom Palmas)

Por: Redação

Tags: Secretaria Municipal de Saúde