Palmas

Famílias beneficiárias dos empreendimentos habitacionais Krahô, Karajá e Javaé, no setor Janaina, e Lago Sul I, no setor Lago Sul, já sabem a localização de suas moradias. É que a Caixa Econômica Federal com apoio da Secretaria Municipal de Habitação realizou o sorteio das unidades habitacionais entre as famílias selecionadas. Os empreendimentos devem ser entregues em meados de dezembro.

O evento aconteceu na segunda-feira, 1º, na Escola Municipal Eurídice de Melo. Na ocasião, foi sorteada a localização de cada família, já selecionada anteriormente, no empreendimento. O sorteio é considerado uma forma mais justa de definir que unidade habitacional cada família ocupará.

A diretora Técnica Social da Habitação, Renata Martins Costa, explica que o empreendimento do Setor Janaina é composto por três prédios, Krahô, Karajá e Javaé, cada um com 120 unidades habitacionais.  As obras foram construídas com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e Prefeitura de Palmas, e não terão custos para os beneficiários, que são famílias do cadastro habitacional que se encontravam em situação de vulnerabilidade social e ocupando áreas de risco, a exemplo da região do Córrego Machado, dentre outras.

Já o Lago Sul I é formado por unidades térreas (sobrados) que beneficiarão 300 famílias que estavam no cadastro desde 2007 e que migraram do Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social (FNHIS) para o Programa Minha Casa Minha Vida (MCMV). Nesse empreendimento as famílias pagarão a mensalidade equivalente ao valor de 5% da sua renda mensal.

Todos os empreendimentos têm um total de 03% das unidades adaptadas para pessoas com deficiência ou idosos, sendo que as unidades que não são adaptadas são passíveis de adaptação em caso de uma necessidade. (Secom Palmas)