Polí­tica

Foto: Divulgação

A deputada Professora Dorinha (Democratas/TO) informou que é contra a solicitação de cotas de passagens aéreas na verba de gabinete para esposas/esposos de parlamentares federais. O jornal O Globo divulgou uma matéria sobre o assunto com uma foto do presidente da Câmara Federal, deputado Eduardo Cunha (PMDB/RJ) com parlamentares da bancada feminina em que aparece a Professora Dorinha.

“Em primeiro lugar, a foto utilizada na matéria foi de um encontro ocorrido no último sábado organizado para a bancada feminina, de despedida da deputada Nilda Godim e o apoio à candidatura do Eduardo Cunha à presidência da Câmara. Nada teve a ver com essa história. Além do mais, não vejo essa cota como uma necessidade, nem tenho porque defender essa ideia”, disse.

A parlamentar esclareceu ainda há muitos pedidos de ajuda com passagens aéreas e de ônibus feitos pela população, mas que a lei não permite esse auxílio. “Muitas vezes são solicitações até justas, como para tratamentos graves de saúde, mas não podemos atender por impedimento da lei”.

A Câmara dos Deputados permite o uso de passagens aéreas exclusivamente para os parlamentares em exercício do mandato e assessores, desde que autorizado pela Mesa Diretora.