Saúde

Foto: Júnior Suzuki

Mais de 10 mil panfletos foram entregues neste sábado, 06, durante ação do Dia D de combate à Dengue e à Febre Chikungunya em cinco movimentadas avenidas da Capital. No informativo, dicas de como evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti, vetor das duas doenças e os principais sintomas das doenças. 

O Dia D é realizado em todo o Brasil e em Palmas a iniciativa das mobilizações é da Secretaria Municipal de Saúde (Semus). De acordo com os técnicos a conscientização e mobilização da comunidade é a principal forma de prevenção. 

A grávida Fabiana dos Santos mora na quadra 305 Norte e diz ter muito medo da dengue. “Eu limpo meu quintal e sempre converso com os vizinhos e parentes. Tenho muito medo de pegar dengue e isso prejudicar minha gravidez”, afirma Fabiana. 

De acordo com a chefe da Divisão de Doenças Transmissíveis, Lusy Almeida, todos os esforços estão concentrados em reduzir ao máximo os criadouros do mosquito. “Devemos ter cuidado redobrado visto que agora são dois agravos, e apesar de ainda não termos nenhum caso confirmado de Chikungunya temos que combatê-la diariamente”, destacou Lusy Almeida. 

Ainda de acordo com a técnica em Palmas foram registrados sete pacientes com suspeita de Chikungunya, sendo que três já foram descartados e quatro ainda aguardam resultado do Instituto Evandro Chagas onde é realizado o exame. “Quando há suspeita, comunicamos a Secretaria Estadual de Saúde, em no máximo 24 horas, coletamos material e enviamos para o Instituto, realizamos o bloqueio químico na casa e no trabalho do paciente para controle vetorial, além de dar total assistência a este paciente com suspeita de Chikungunya. 

Combate

Ações de limpeza estão sendo intensificadas pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, numa ação em parceria com a Semus, em quadras com grande número de focos de mosquito. Nesta primeira semana foram realizados mutirões de limpeza nas quadras 405, 407, 603 e 607 Norte, setor Morada do Sol, Santa Fé, Santa Bárbara, Aureny III e Jardim Taquari. 

LIRA

No período de 02 a 06 de fevereiro os agentes de endemias do Centro de Controle de Zoonoses realizaram um procedimento denominado Levantamento de Índice Rápido para Aedes aegypti (LIRAa), os dados serão apresentados na terça-feira, 10. (Secom Palmas)