Polí­tica

Foto: Frederick Borges

As medidas de recuperação do Estado implantadas pelo governador Marcelo Miranda ganharam destaque na Câmara Federal essa semana. O deputado César Halum (PRB/TO) mencionou o cenário de dificuldades em que a atual gestão recebeu o Tocantins e afirmou que, como tocantinense, vai ajudar e contribuir com o Governo. “O nosso Estado do Tocantins vive um dos problemas mais sérios de todos os estados brasileiros. O novo governador assumiu o Estado com dificuldades, mas tenho participado, com ele, de algumas ações de recuperação da nossa economia e da situação de dificuldade em que vive o Estado”, relatou.

O parlamentar citou os impactos sociais e econômicos para a região do Bico do Papagaio com a inauguração da primeira etapa do Ecoporto de Praia Norte, a 639 quilômetros de Palmas, realizada pelo Governo na última sexta-feira, 27. “O porto em água fluvial de Praia Norte resolve uma situação muito grande. Inicialmente, o porto vai ser utilizado para o transporte das cargas produzidas na Zona Franca de Manaus, que vem de Belém pelo Rio Tocantins até a cidade de Praia Norte. De lá, pega um ramal da Ferrovia Norte-Sul e faz-se, portanto, toda a distribuição pelo Brasil, utilizando a hidrovia. Na verdade, a grande vantagem desse projeto, que foi iniciado em 2007, ainda na época em que Marcelo Miranda era o governador, é que ele liga a Região Norte do Brasil ao Atlântico”, explicou o deputado ao lembrar ainda os estudos de viabilidade econômica com relação à navegabilidade do Rio Tocantins para a escolha do município como ponto estratégico.

O deputado federal, que participou da inauguração do empreendimento, ressaltou também os investimentos e a impulsão na economia com a chegada do Ecoporto. “Haverá uma economia de mais de 5 mil quilômetros de fretes, se considerarmos a saída do Porto de Paraná ou do Porto de Santos, além disso, também promoverá a industrialização da região do Bico do Papagaio, uma região de terras férteis, mas com um povo pobre e muito carente. Eu quero, aqui, parabenizar o governador Marcelo Miranda, que, em apenas dois meses de governo, reativou esse projeto”, afirmou.

A contribuição das empresas interessadas em investir no Tocantins também foi citada pelo deputado, que solicitou ao presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha (PMDB/RJ), que a notícia sobre a inauguração do empreendimento seja, amplamente, divulgada nos órgãos de comunicação institucional. “É extremamente importante para o nosso país e para o Tocantins que esse Ecoporto seja divulgado de forma intensa e clara como uma oportunidade de investimentos para o Brasil”, completou.

Ecoporto

O Ecoporto é uma estação de transbordo de cargas e o primeiro porto fluvial interestadual, com papel estratégico no fluxo logístico do país, ligando o Estado ao oceano Atlântico. Nessa primeira fase, o Ecoporto recebeu investimentos de aproximadamente R$ 30 milhões, da iniciativa privada.