Economia

Foto: Divulgação

As empresas tocantinenses que não procederam a qualquer registro ou alteração nos últimos 10 anos, ou seja, desde 31 de dezembro de 2004, poderão ter os seus registros cancelados. É o que informa o presidente da Junta Comercial do Estado, Carlos Dias de Moraes, em ofício enviado à Federação das Indústrias do Estado do Tocantins - Fieto. No documento, ele solicita a instituição que envie comunicado aos seus filiados para evitar o cancelamento de registro de empresa, sob pena de ser declarada inativa e perder, automaticamente, a proteção do seu nome empresarial. 

Em seu ofício o presidente da Junta Comercial informa ainda que os interessados devem requerer até o dia 11 de junho o arquivamento da Comunicação de Funcionamento ou da Comunicação de Paralisação Temporária de Atividades, conforme cada caso, por meio de formulário próprio que pode ser encontrado no site www.jucetins.to.gov.br e protocolar em qualquer uma das unidades da Jucetins em Palmas, Araguaína, Gurupi e Dianópolis.

Por: Redação

Tags: Carlos Dias de Moraes, Fieto, Jucetins