Esporte

Foto: Divulgação

Amantes do ecoturismo e dos esportes radicais interessados em testar seus limites físicos além de estar em contato com uma das paisagens naturais mais belas do Brasil, participam no próximo sábado, 30, do “Cerrado Extreme Jalapão”. A competição contará com 40 participantes, divididos em 20 duplas que, num percurso de 40 quilômetros, sendo 30 quilômetros de corrida e outros 10 de rafting pelas corredeiras do Rio Sono, vão participar do primeiro evento naquela modalidade, inteiramente organizado por uma equipe de profissionais tocantinenses, tendo como meta se tornar um marco anual de abertura da alta temporada de turismo do Jalapão.

O cerrado extreme Jalapão é um projeto de incentivo a vida ao ar livre e busca proporcionar aos seus participantes uma aventura de superação e autossuficiência em contato direto com a natureza. Além disso, a organização do evento pretende fortalecer a imagem da Unidade de Conservação (UC) Monumento Natural Cânions e Corredeiras do Rio Sono (Monacc) como um exemplo sobre como aliar preservação e turismo como forma de cuidar do Meio Ambiente. Todo o percurso da prova acontece naquela unidade, criada pelo município de São Félix do Tocantins para proteger o Rio Sono e incentivar o turismo na cidade através do desenvolvimento do rafting. O monumento natural está localizado a cerca de 400 quilômetros de Palmas.

Segundo o turismólogo Rafael Moraes, um dos organizadores da corrida, a proposta do “Cerrado Extreme Jalapão” é de, além de apresentar aos amantes da natureza e do ecoturismo, a possibilidade de participar de um evento esportivo na região do Jalapão, constantemente procurada por equipes de reportagens e documentaristas do mundo inteiro, mas também de estar em contato com os moradores da região, a maioria delas integrantes de comunidades tradicionais quilombolas. “Estamos buscando levar esta interação entre belezas naturais, a prática esportiva mas também a interação com os costumes locais para que no final da competição, todos saiam vitoriosos e deixem suas pegadas naquela belíssima região orgulhosamente tocantinense”, afirmou.

Briefing Técnico

Nesta quarta-feira,27, os aventureiros participam de um briefing técnico que acontece no auditório do Memorial Luís Carlos Prestes em Palmas, a partir das 19h30. O briefing consiste na entrega do material que será utilizado por cada competidor durante a prova, apresentação da equipe de apoio do evento, além do repasse de informações importantes sobre cuidados durante a prova não só na parte física de cada atleta, como também nos cuidados ao Meio Ambiente.

A prova

A largada acontece neste sábado, 30, às 6h, na Praça Salustiano Ribeiro, em São Félix do Tocantins e a chegada será na Catedral do Jalapão. Os competidores irão deixar a capital tocantinense rumo ao paraíso ecológico do Jalapão nesta sexta, 29, às 13h, com saída em frente à sede da Equipe Gustavo Borges (108 Sul). O retorno acontece no domingo, 31.

Organização

O desafio Cerrado Extreme Jalapão é organizado pela 40º no Cerrado Ecoturismo e Aventura e pela Novaventura Companhia de Rafting, com apoio da Equipe Gustavo Borges e Fama Empreendimentos, da Prefeitura Municipal de São Félix, do Governo do Estado do Tocantins, por meio das secretarias estaduais do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) e do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), também conta com apoio da Pangea Imagem e do Studio Siriguela.