Saúde

Foto: Divulgação

A gestão de Dianópolis/TO, face a carência de profissionais médicos que comprometia a saúde da população, promoveu a contratação de médicos para os postos de saúde do município. Já estão trabalhando o doutor Otávio Augusto Rodrigues Dobbro, e as doutoras Patrícia Castro Ferreira e Yamilla Morales Ley (aguardando visto Internacional). 

O secretário Municipal de Saúde, Camerino Batista, relatou que por um período de cinco meses procurou suprir a necessidade dos profissionais de medicina, encontrando dificuldade para contratar pela maioria não concordar com a transferência para interior e salários inferiores aos médios e grandes centros.

Ao receber os médicos em seu gabinete, o prefeito Reginaldo Rodrigues de Melo, declarou-se entusiasmado com a disposição dos mesmos e com o fato de que a população será bem atendida na esfera ambulatorial e com os devidos encaminhamentos dos casos mais graves.

Fluxo financeiro de parcelas para obras fundamentais

O prefeito Reginaldo, conseguiu em Brasília/DF, com o apoio do representante parlamentar do município, deputado federal Irajá Abreu (PSD), as parcelas referentes às construções da Unidade de Pronto Atendimento (iniciada na atual gestão) e da rodoviária (iniciada no governo municipal anterior e não concluída).

Foram transferidos pelo Governo Federal, R$ 1 milhão de um total de R$ 1.760.000,00 para a Unidade de pronto Atendimento e R$ 1 milhão para a conclusão da nova Estação Rodoviária de Dianópolis. As obras já estão em andamento e devem ser concluídas até o final do ano corrente.

O prefeito declarou que pelas dimensões alcançadas pela cidade, a Unidade de Pronto Atendimento e a Estação Rodoviária tornam-se essenciais para o atendimento da população que necessita de atendimento ambulatorial e de transitar por Dianópolis, em certos casos, evitando a transferência para grandes centros.