Educação

Foto: Divulgação

Em Araguaína nessa terça-feira, 14, a reitora da Fundação Universidade do Tocantins (Unitins), Elizângela Glória Cardoso, conheceu as futuras instalações do Laboratório de Referência Animal (LARA) e conversou com o professor responsável pelas pesquisas desenvolvidas no local atualmente, Cláudio Henrique Fernandes.

Atualmente, o Lara funciona em uma sala dentro do Sindicato Rural de Araguaína e o prédio do laboratório, que está em fase de acabamento, deve ser entregue no fim deste ano. Ao visitar a atual sede do laboratório, a reitora encontrou-se com o presidente do Sindicato Rural de Araguaína, Roberto Paulino da Silva, que se colocou à disposição para fechar parcerias com a universidade. “As portas estão abertas para a Unitins”, declarou.

A reitora destacou o interesse da gestão em atuar mais fortemente na região norte do Estado do Tocantins. Mais uma vez, Elizângela afirmou que a universidade está disponível para contribuir com o desenvolvimento do Tocantins através da produção de conhecimento.

O pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Eduardo Ribeiro, colocou as demandas da pesquisa para a região e salientou que o empenho da Unitins em promover pesquisas que atendam a região de Araguaína - através do LARA -  só tem a contribuir com a população local, especialmente ao atender as necessidades dos produtores locais.

Miranorte

Acompanhada também da vice-reitora da Unitins, Suely Quixabeira, e da pró-reitora de Graduação, Munique Maia, a reitora Elizângela Glória Cardoso visitou a unidade de pesquisa em abacaxi da Unitins, na cidade de Miranorte. O responsável pelo local, professor Lucas Naoe falou das pesquisas desenvolvidas e apresentou demandas para otimizar o trabalho na unidade.

A viagem da Reitoria segue até o próximo sábado, 18. Os gestores ainda vão se reunir com os servidores dos câmpus de Araguatins e Augustinópolis.