Educação

Foto: Divulgação

Os trabalhadores em educação da rede estadual se reúnem nesta quarta-feira, dia 5 de agosto, às 14 horas, no Rancho Bahia, em Palmas para uma assembleia geral. A greve foi deflagrada há sessenta dias e a categoria segue sem acordo com o governo.

Para o Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Tocantins (Sintet), o governo precisa melhorar a proposta, cumprir as reivindicações, e principalmente, se comprometer com a valorização do Educador e da Educação.

As reivindicações da categoria são oriundas da greve da categoria em 2014, sendo: Progressões 2013; Progressões 2014; Progressões 2015; Equiparação Pono e Proeb; Reajuste com base no custo/aluno do Fundeb de 13, 01%; Solução imediata para os pedagogos que com a municipalização das séries iniciais estão com carga horária e lotação comprometidas; Eleição de diretores; Enquadramento dos administrativos no PCCR; Realinhamento de carreira.