Geral

Foto: Divulgação

A pintura mediúnica, conhecida na Doutrina Espírita como psicopictografia, será apresentada dia 22/08, sábado, às 20 horas, no Grupo Espírita Adolfo Bezerra de Menezes (GEABEM), na Quadra 1204 Sul, APM 08 Alameda 02, em Palmas.

O fenômeno mediúnico já conhecido em diversos países será apresentado pelo pedagogo, psicoterapeuta e médium Florêncio Anton, de Salvador (BA). Desde que começou esse trabalho mediúnico já produziu mais de 30 mil telas assinadas por um grupo de mais de 110 pintores desencarnados, como por exemplo Rembrandt, Picasso, Renoir, VanGogh, Monet, Boudin, Da Vinci, Malhoa, dentre outros.

As telas são comercializadas durante a sessão e algumas chegam a valer cerca de dois mil reais, toda a verba arrecada é utilizada em obras e ações e trabalhos assistenciais  realizadas no Grupo Espírita Scheilla - Comunidade Maria de Nazaré, em Salvador.

" Todos os anos temos o privilégio de receber o Florêncio em nossa casa e a cada ano nos surpreende o número de pessoas que veem prestigiar esse evento e receber as boas vibrações que esse tipo de fenômeno Mediúnico proporciona", destaca a Presidente do GEABEM,  Rita Maciel, que aproveita para convidar a todos prestigiarem a sessão.

" É uma oportunidade única, vivenciar esse tipo de pintura mediúnica, onde presenciamos diante de nosso olhos a transformação da tela branca em obras de arte, um resultado impressionante", diz Rita Maciel.
A entrada é gratuita e as telas produzidas são comercializadas através de lances dados pelo público, sendo que o maior lance é o vencedor. 

Perfil 

Florêncio Anton é pedagogo, psicanalista, enfermeiro, médium e terapeuta  ganhou destaque internacional através da sua capacidade de psicopictografia, mais conhecida como pintura mediúnica. Sem nunca ter estudado pintura e sem aptidões plásticas, realiza as pinturas mediúnicas a óleo em transe, com os olhos fechados, não só com os pincéis, mas também com as mãos, cada tela em cerca de 5 a 10 minutos, pintando cerca de 12 telas numa apresentação de duas horas e meia.

Participou de demonstrações públicas em vários estados do País e o exterior, onde se apresentou na Bélgica, França, Inglaterra, Itália, Suíça, Espanha, Alemanha, Dinamarca, Suécia, Peru, Panamá e Portugal. Com recursos oriundos da venda de obras, fundou em 1999, em Salvador, Bahia, o Grupo Espírita Scheilla, que além da divulgação da doutrina espírita, mantém atividades de assistência social na comunidade de Mussurunga, bairro popular de Salvador. 

Por: Redação

Tags: Geabem, Semana Bezerra de Menezes