Estado

Foto: Pedro Barbosa

Iniciando uma nova fase no planejamento das ações do governo para os próximos quatro anos, a cidade de Tocantinópolis está sendo o centro das discussões para a construção do Plano Plurianual (PPA) 2016-2019, nesta quinta-feira, 27, no Colégio Estadual Dom Orione. Na abertura do encontro, que terá oito edições regionais, o governador Marcelo Miranda destacou que a missão deste governo é implantar uma nova cultura de gestão dos recursos públicos.

“Uma gestão de responsabilidade, austeridade, transparência e ampla participação da sociedade”, ressaltou Marcelo Miranda, ao reforçar que a atual conjuntura econômica, política e social exige um Estado enxuto, eficiente e, principalmente, de resultados. “O Plano Plurianual é a principal ferramenta do ciclo de planejamento da administração pública. Ele indica caminhos que deveremos seguir, além das prioridades e metas que serão definidas para fazermos a transformação que a sociedade espera do nosso Governo”, enfatizou.

Segundo o governador, hoje foi dado um passo importante para o futuro do Tocantins, em que o cidadão tem um papel importante. “Não desanimem, ainda que os tempos sejam difíceis. Escolham as prioridades desta região e vamos juntos fazer o maior e melhor governo da história do Tocantins”, declarou.

Falando em nome dos prefeitos da região, o prefeito de Tocantinópolis, Fabion Gomes, disse reconhecer as dificuldades, por isso a necessidade de se planejar a administração. “Precisamos planejar e bem a administração pública como um todo. E para a gente é uma alegria poder dar nossa contribuição. Estamos aqui alegres e satisfeitos”, comentou o prefeito. “Com esse planejamento, discutindo com todas as áreas, se chegará ao sucesso”, disse.

Debate

Durante toda esta quinta-feira, os moradores dos 25 municípios da região do Bico do Papagaio participam do encontro. Para o secretário do Planejamento e Orçamento do Estado, David Torres, com planejamento se faz uma boa gestão. “Se não houver planejamento a gente não sai desse cenário que estamos vivenciando. Um bom planejamento significa uma boa administração”, destacou, ao explicar que o Orçamento do Estado estará ligado ao PPA. “Mexeu no Orçamento, mexeu no PPA”, esclareceu.

Sobre os encontros regionais, David Torres explicou que seis salas com eixos temáticos estarão disponíveis para que a população possa opinar e sugerir ações para cada área. “Ao final dos oito encontros, vamos validar o PPA e, com isso, o Orçamento do ano que vem estará pronto”, acrescentou. 

Investimentos

Na ocasião, o governador Marcelo Miranda anunciou que, até o final do ano, o Governo do Estado irá licitar mais de R$ 300 milhões para pavimentação e recuperação asfáltica das rodovias estaduais, sendo R$ 60 milhões só para a região do Bico do Papagaio.

Presença

A solenidade de abertura do encontro regional do Bico do Papagaio contou a presença do Presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Manoel Pires; o Defensor Público Geral, Marlon Amorim; presidente da Assembleia Legislativa, Osires Damaso; e os parlamentares José Bonifácio e Amélio Cayres; além de secretários de Estado, prefeitos e autoridades da região.