Estado

Foto: Divulgação

Com foco em uma gestão participativa, o governo do Estado tem levado aos municípios tocantinenses, por meio de encontros regionais, as oficinas que servirão de base para elaboração do Plano Plurianual (PPA) 2016-2019. Nesta sexta-feira, 25, o governador Marcelo Miranda abriu, em Pedro Afonso, o encontro que vai ouvir representantes de 10 municípios da região nordeste.

De acordo com o governador, ao ouvir as demandas da população em relação às políticas públicas o resultado será um PPA abrangente, com medidas e ações que serão adotadas nos próximos quatro anos, contemplando diferentes setores da sociedade.   “Estamos implantando uma nova cultura de gestão dos recursos públicos no Tocantins. Uma gestão que respeita e valoriza o diálogo com os diversos setores da sociedade”, destacou.

Considerando que as regiões do Estado são marcadas por diferenças sociais, culturais e econômicas, a presença dos representantes dos 139 municípios nos encontros favorecerá a construção de um Plano Plurianual que atenda as diferentes demandas das regionais. Para o governador, os encontros estão se mostrando muito produtivos. “Em nossas atividades de planejamento, aqui em Pedro Afonso, assim como aconteceu em outros encontros, aproveitaremos as necessidades apresentadas pela população como instrumento de transformação para o município e toda a região”, enfatizou.

Para o prefeito de Pedro Afonso, Jairo Mariano, a visita do governador aos municípios faz com que o líder do Executivo tenha conhecimento das necessidades da população. "O governador Marcelo Miranda está de parabéns por buscar conhecer de perto as demandas dos moradores de cada região, por estar junto. Aqui temos as nossas necessidades e são nessas oportunidades que podemos compartilhar os nossos anseios", ressaltou.

A agricultora familiar Ivanilde Alves da Silva viajou cerca de 40 km, do Projeto de Assentamento Baronesa, no município de Santa Maria do Tocantins, para participar do encontro do PPA em Pedro Afonso. Para ela, a agricultura deve ser prioridade. "A agricultura tem um potencial muito grande e nós contamos com apoio do governo para ver o desenvolvimento acontecer. Por isso estamos aqui para fazer parte das discussões e contribuir com nossas demandas", disse.

Encontros

Nesta edição, representantes da sociedade civil, órgãos e secretarias de Estado e dos municípios de Barra do Ouro, Bom Jesus do Tocantins, Campos Lindo, Centenário, Goiatins, Itacajá, Pedro Afonso, Recursolândia, Santa Maria do Tocantins e Tupirama, estão reunidos para expor suas opiniões e sugestões para compor o PPA.

Além dos oito encontros que estavam previstos inicialmente para elaboração do Plano, também serão realizados mais três reuniões nos seguintes municípios: Palmas, Araguaia e Gurupi. Segundo o secretário do Planejamento e Orçamento, Davi Torres, nestes municípios as atividades serão diferentes do que vem acontecendo. "Serão dois encontros de validações, em que serão discutidas as necessidades de alterações no PPA. Em Palmas será a cerimônia de entrega do documento para Assembleia Legislativa", explicou ao lembrar que o próximo encontro acontece nesta segunda-feira, em Colinas, com representantes da região noroeste.

Protagonismo

A população de Pedro Afonso já vem se destacando por seu protagonismo, com ações coletivas que vão ao encontro das necessidades da comunidade. A partir de uma dessas iniciativas foi possível a reforma e ampliação do destacamento da Policia Militar Ambiental, construído em 2007, e que atende Pedro Afonso e mais 21 municípios.

Para o governador Marcelo Miranda, a iniciativa inspira a gestão a trabalhar cada dia mais perto da população. “A sinergia entre militares e a sociedade civil, na busca de melhores condições de trabalho deste destacamento, e, ainda, colaborar com a construção de uma praça infantil, feita a partir de produtos reciclados, é fazer cumprir com ternura, dignidade e cidadania a missão de protegermos a sociedade e o nosso meio ambiente. Isto também é filosofia do governo mais perto de você”, disse.

A construção da praça, destacada pelo governador, foi fruto de uma iniciativa do professor da rede pública do município, Fabrício Rocha de Sousa, que apostou na construção de um espaço totalmente ecológico.

A ideia da recuperação e ampliação do destacamento nasceu dentro do Batalhão e contou com total apoio da população do município, conforme destacou o comandante geral da Policia Militar, Glauber de Oliveira Santos. “É mais uma prova de que o povo tocantinense deposita grande parcela de confiança e credibilidade à Polícia Militar do Estado do Tocantins, vez que esta ampliação e reforma foi realizada, em específico, graças à colaboração da sociedade pedroafonsina por meio da doação de recursos financeiros e materiais”, explicou.

Presenças

Além dos representantes dos 10 municípios da região nordeste, a solenidade de abertura do encontro do PPA contou com a presença de gestores do Executivo estadual; do presidente da Assembleia Legislativa, Osires Damaso e dos deputados Paulo Mourão e Valdemar Júnior; da deputada federal Josi Nunes; do presidente da Associação Tocantinense dos Municípios, João Emídio; do presidente do Tribunal de Conta do Estado, o conselheiro Manuel Pires, entre outros.