Educação

Foto: Elias Oliveira O termo foi assinado pelo secretário Adão Francisco de Oliveira e a vice-reitora da UFT, Isabel Auler O termo foi assinado pelo secretário Adão Francisco de Oliveira e a vice-reitora da UFT, Isabel Auler

O secretário Adão Francisco de Oliveira assinou na tarde dessa sexta-feira, 25, o termo de cooperação entre a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e a Comissão Permanente de Seleção da Universidade Federal do Tocantins (UFT) para a seleção dos candidatos que irão participar das eleições diretas para diretores das escolas da rede estadual de ensino. O termo é um importante passo para a consolidação da gestão democrática da educação do Tocantins.

Na ocasião, a professora Isabel Cristina Auler Pereira, vice-reitora da UFT, representou o reitor Márcio Antônio da Silveira e assinou o termo juntamente com o secretário Adão Francisco. A partir da assinatura, o próximo passo é a publicação, no Diário Oficial do Estado (DOE), do edital convocatório para o processo seletivo dos propensos candidatos às direções das escolas.

De acordo com o secretário, o termo de cooperação entre a Seduc e a UFT é a consolidação de uma antiga demanda da comunidade escolar tocantinense. “A assinatura deste termo de cooperação caracteriza um processo extremamente importante para a educação do Tocantins. A gestão democrática das nossas escolas é o caminho para que uma Educação Integral e Humanizada se consolide no Estado”, destacou.

Representando o reitor Márcio da Silveira, a vice-reitora da Universidade Federal do Tocantins, Isabel Auler, reforçou que a gestão democrática das escolas fortalece os processos educacionais e auxilia, de maneira geral, no desenvolvimento do ensino-aprendizagem. “Temos acompanhado todos os debates sobre o processo de implantação da gestão democrática. A UFT se colocou à disposição através da Copese e tenho certeza que a gente começa um novo ciclo. A universidade se engrandece com essa parceria”, frisou.

Copese UFT

Responsável por todos os processos seletivos da Universidade Federal do Tocantins, além de concursos públicos de outras instituições, a Comissão Permanente de Seleção irá organizar o certame para selecionar os candidatos que estarão aptos a concorrer nas eleições para diretores das escolas. “Para a gente é muito gratificante realizar este que é o primeiro trabalho em parceria com o Estado. A Copese vai colocar todos os esforços para que seja um trabalho com toda a lisura e sucesso”, completou o presidente da Comissão, Sérgio Ascêncio.