Polí­tica

Foto: Joanilson Santos

Pré-candidato à presidência da Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Tocantins (OAB-TO), o conselheiro federal Ercílio Bezerra deixou a disputa em apoio ao Movimento OAB Somos Todos Nós, que tem como integrante o também conselheiro federal da Ordem, Gedeon Pitaluga. 

Ercílio explicou que a decisão foi respaldada pelo desejo de que a Seccional tocantinense volte a progredir pelo bem de toda a advocacia e sociedade. “O grande problema da Ordem hoje é gestão. Esta administração não conseguiu gerir o avanço e a transformação, não conseguiu manter a defesa das prerrogativas, não conseguiu manter a representatividade junto à sociedade civil, renunciou ao debate e a uma relação ativa com as instituições”, afirmou.

Para retomar a representatividade, ele sugere a necessidade de uma gestão atuante. “O crescimento da OAB no Tocantins exige uma gestão moderna, de um profissional que conhece bem a instituição, que tem uma história de militância, como o Gedeon, e que vai contar com o apoio de advogados experientes. E essa junção de forças possibilita um conselho extremamente qualificado, que poderá auxiliar o presidente nesse processo de reestruturação”, disse. 

Outro ponto importante, para Ercílio, é o restabelecimento de uma boa relação com o Conselho Federal da OAB. “A OAB do Tocantins ainda tem um grau de dependência muito grande do Conselho Federal, em razão de ser a mais nova de todas as Seccionais, e precisa contar com este apoio para efetivação dos seus projetos. Hoje é preciso que os gestores conheçam todos os trâmites para facilitar essa parceria do Conselheiro Federal, que infelizmente se perdeu nos últimos anos, e o Gedeon tem uma atuação muito importante junto ao Conselho e ao Fida (Fundo de Integração e Desenvolvimento Assistencial dos Advogados), tem boa relação e eu também posso contribuir com esse processo”, finalizou.

Movimento

O Movimento OAB Somos Todos Nós já conquistou adesões importantes em todo o Tocantins. Até a manhã desta sexta-feira, oito subseções tocantinenses já lançaram a pré-candidatura de chapas de consenso nos municípios em apoio ao grupo. As outras seis subseções remanescentes  também contarão com chapas majoritárias que compactuam dos princípios defendidos pelo Movimento. 

“Nós ficamos extremamente felizes em ver surgindo e crescendo esse sentimento de união e representação qualificada na advocacia. Cada dia mais advogadas e advogados estão integrando esse movimento por uma Ordem representativa, forte e atuante. E isso parte de uma proposta de gestão e representatividade qualificadas, afirmou Gedeon Pitaluga. 

Por: Redação

Tags: Ercílio Bezerra, Gedeon Pitaluga, OAB