Estado

Foto: Divulgação Recadastramento previdenciário no É Prá Já de Gurupi recebe visita de monitoramento Recadastramento previdenciário no É Prá Já de Gurupi recebe visita de monitoramento

O polo de atendimento previdenciário do Instituto de Gestão Previdenciária do Tocantins (Igeprev-TO), no É Prá Já de Gurupi, recebeu na última sexta-feira, 13, a visita do diretor de Administração, Finanças e Tecnologia do Instituto, Ari Reis, que vem acompanhando de perto a evolução do Recadastramento 2015 de aposentados e pensionistas vinculados ao regime próprio de previdência social do Estado. Somente nesta unidade já foram atendidos mais de 490 segurados em um pouco mais de dez dias de campanha.

Em todo o Estado, já somam mais de 2,9 mil segurados, com a prova de vida realizada neste senso, o que equivale a 31,36% do total de 9.283 segurados aguardados para atualização de dados nesta edição. Desse montante 2.658 eram inativos, o equivalente a 35,15% dos aposentados que deverão se apresentar até o fim do prazo e os 262  restante, pensionistas.

Com o ritmo do recadastramento, Ari Reis acredita que não será necessário pensar em prorrogação. “O atendimento vem acontecendo de forma rápida e tranquila em todas as unidades. As equipes e toda a estrutura de dados foram bem preparadas, portanto acreditamos que muito antes do fim do prazo teremos atingido um número bem próximo da totalidade esperada e muito dificilmente haverá necessidade de prorrogação”, afirmou o diretor de Administração, Finanças e Tecnologia do Igeprev.

A gerente de Cadastro, Informação e Compensação Previdenciária do Igeprev, Luzia Lustosa de Sousa afirma que o monitoramento em tempo real permite acompanhar a evolução do atendimento presencial e por correspondência. “Os cadastros atualizados via Correios, já começaram a chegar. Nós percebemos que a maioria dos segurados não tem encontrado dificuldade para encaminhar corretamente a documentação”, avaliou.

Destaque

O prazo para o Recadastramento 2015 se encerra no dia 31 de dezembro do corrente. Os segurados que tiveram benefícios concedidos a partir de julho deste ano não precisam participar deste senso. Após o prazo do recadastramento os benefícios que não tiverem as informações atualizadas deverão ser suspensos. O Igeprev esclarece que não se incluem nesse recadastramento os aposentados e pensionistas do INSS – Instituto Nacional de Seguridade Social.

Quem tem dúvida pode consultar a documentação exigida para seu tipo de beneficio através do link 'Recadastramento' no Portal do Segurado, através do endereço eletrônico www.igeprev.to.gov.br. Lá ainda estão disponíveis outras orientações e o manual do recadastramento que facilita o passo a passo tanto para quem optar pelo atendimento presencial quanto para os que realizarão o envio por correspondência.