Educação

Foto: Divulgação

No início do ano aumenta a procura dos pais pelas escolas estaduais que obtiveram resultados de referência no ano anterior.  Como é o caso do Centro de Ensino Médio Bom Jesus, de Gurupi, destaque estadual do Prêmio Gestão Escolar 2015.

A diretora Lêda Maria Tomazi Fagundes explicou que nesta semana tem sido grande a procura de pais, cujos filhos estão em escolas particulares, para saber qual o procedimento para garantir uma vaga na instituição de ensino. “A escola atende uma média de 690 alunos com a oferta do ensino médio, e todos os anos, fica uma lista de reserva, à espera por uma vaga”, contou a professora Lêda.

Outro fator que Lêda aponta como muito positivo é que a cada ano cresce o número de alunos aprovados em vestibulares. “Cerca de 90% dos nossos estudantes foram aprovados em processos seletivos para ingresso em faculdades. Temos alunos que vão para a UFT (Universidade Federal do Tocantins) e para universidades de referência em outros estados”, explicou Lêda.

Para ser uma escola de referência, a equipe do CEM Bom Jesus vem desempenhando um trabalho de qualidade há alguns anos. “Dentre nossas ações, destacamos o projeto ‘Dê-me um toque de leitura’, que consta na interpretação e produção de textos e na realização de pesquisas sobre os diversos tipos de textos, e durante a culminância, os alunos compartilham o que aprenderam por meio de teatro, jogral e músicas. Outro projeto que está dando certo é o de sustentabilidade, que é composto de amplas pesquisas sobre o meio ambiente. E com relação à Matemática, os alunos do 3º ano ajudam os estudantes das outras séries”, explicou Lêda.

“É um conjunto de fatores que faz da nossa escola ser referência. Todos os anos, promovemos um encontro com os nossos professores e delineamos o que devemos ampliar e melhorar”, contou.

A diretora participou em Brasília de um seminário sobre gestão escolar. “Lá estudamos as cinco dimensões da liderança escolar, os campos escolares, que são os espaços que devem ser utilizados, a forma democrática de solucionar os conflitos”, ressaltou Lêda. Ela trouxe muito material para compartilhar com a equipe da escola e com as Diretorias Regionais de Educação.

Prêmio Gestão Escolar

O Prêmio Gestão Escolar faz parte de uma das ações do projeto Iniciativa Educadores do Brasil desenvolvido pelo Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed). No Tocantins, coordenam as ações, a educadora Luciene Alves, que contou que em 2015, houve uma grande participação das escolas municipais na autoavaliação, um dos critérios para a participação do Prêmio Gestão Escolar. “O que enfatizamos é que os professores passem a registrar os seus trabalhos para se ter evidências das ações e resultados, é esse um dos papéis da autoavaliação”, afirmou Luciene. Ela também ressaltou a importância de todas as escolas estaduais fazerem a autoavaliação para se ter um diagnóstico de sua realidade e, a partir daí, a equipe gestora ter uma base para elaborar o Projeto Político Pedagógico.