Polí­tica

Foto: Divulgação

O deputado estadual Elenil da Penha (PMDB) mediou, na tarde desta terça-feira, 16, um encontro entre o governador Marcelo Miranda (PMDB) e o prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas (PR). A reunião, realizada no Palácio Araguaia, discutiu a retomada de obras de infraestrutura, a normalização de repasses, a regularização fundiária de bairros de Araguaína e o licenciamento ambiental para a implantação de um lago no Parque Cimba. “São muitas demandas e o que percebo é que os gestores têm interesse de trabalhar juntos para resolvê-las. Quem sai ganhando com esta aproximação é o povo araguainense”, afirmou o parlamentar.  

Elenil comemorou o anúncio feito pelo governador de que o estado irá, nos próximos 30 dias, concretizar um convênio, no valor de R$ 45 milhões, para a pavimentação asfáltica do bairro São João e dos setores Araguaína Sul, Tereza Hilário, Raizal, Tocantins, Morada do Sol e Ana Maria. “Desde o ano passado, eu tenho acompanhado a situação deste contrato e, agora, felizmente, temos o compromisso do governo do estado de arcar com a contrapartida necessária para o andamento destas obras, aguardadas há muitos anos pelos moradores”, ressaltou o deputado.

Dimas lembrou que os bairros que serão asfaltados concentram quase metade da população de Araguaína. “A liberação deste convênio, fruto de um trabalho conjunto dos governos municipal, estadual e federal, irá beneficiar os bairros mais populosos da cidade. Durante a audiência, o governador se comprometeu a ir a Araguaína, em meados de fevereiro, assinar a ordem de serviço para o início da recuperação da malha asfáltica destas localidades. Realizado o lançamento, o nosso objetivo é iniciar as obras o mais rápido possível”, frisou o gestor.  

Satisfeito com o resultado do encontro, Marcelo Miranda agradeceu a oportunidade de debater os problemas de Araguaína em busca de soluções. “Essa é uma iniciativa louvável. Uma oportunidade valiosa para manter e consolidar a parceria entre estado e município. Todas as reivindicações apresentadas pelo prefeito são válidas e nosso papel é analisá-las a fim de encontrar respostas.”, avaliou o governador.