Polí­tica

Foto: Divulgação

O deputado federal Carlos Henrique Gaguim (PTN/TO) acompanhou toda a sessão da comissão especial do impeachment para discutir o relatório apresentado pelo deputado Jovair Arantes (PTB-GO), favorável à investigação da presidente Dilma Rousseff, que foi iniciada na tarde de sexta-feira, dia 8, e se estendeu pela madruga deste sábado, dia 9.

Gaguim disse foi o único deputado tocantinense que acompanhou a sessão histórica até o final. “Fui o último deputado a fazer uso da palavra para participar da discussão deste relatório, antes do encerramento da sessão que aconteceu por volta das cinco horas da manhã”, disse Gaguim.  

Após todos os deputados inscritos, presentes até a madrugada, falarem na reunião que durou mais de 12 horas, a comissão especial do impeachment aprovou um requerimento para encerrar a discussão.

Os trabalhos serão retomados nessa segunda-feira, às 10 horas para o colegiado ouvir os líderes partidários e, posteriormente, iniciar o processo de votação do relatório. O cronograma da comissão especial prevê o início da análise em Plenário na próxima sexta-feira (15).

O deputado em seu pronunciamento deixou sua posição clara sobre o processo impeachment ao afirmar que, após ouvir os eleitores tocantinenses e do Brasil é favorável à abertura do processo de impeachment.​