Polí­tica

Foto: Divulgação

A vice-governadora do Tocantins, Cláudia Lelis (PV), esteve na noite da última sexta-feira, 8, em Araguaína para lançamento da pré-candidatura a prefeito de seu correligionário Igor Cortez e em entrevista a imprensa local, momento antes do evento, falou sobre várias medidas de segurança que o Governo do Estado vem tomando para conter a criminalidade no Estado.  “A segurança pública do Estado é uma prioridade do governador Marcelo Miranda que vem concentrando todo esforço para garantir a tranquilidade do nosso povo, com a aquisição de mais viaturas e determinando o reforço do policiamento nas ruas de todo o Estado, e em breve, teremos também o lançamento do Edital do concurso da Polícia Militar que irá preencher mil vagas”, declarou.

Já no evento, a vice-governadora que também é pré-candidata a Prefeitura de Palmas, disse que o PV irá construir um grande projeto para Araguaína. “Me alegro muito em ver o Igor Cortez à frente desse desafio, ele é um jovem que representa muito bem Araguaína e tenho certeza que essa aliança firmada hoje entre o PV, PSDC e o PMB será vitoriosa não só aqui em Araguaína, mas em várias cidades do Estado”.

Também presente do evento de lançamento da pré-candidatura de Igor Cortez, o presidente regional do Partido Verde, Marcelo Lelis, ressaltou: “vocês podem depositar total confiança no Partido Verde e nesse grande líder que é o Igor Cortez, ele chega para construir e apresentar ao povo de Araguaína um novo projeto [...]. Aproxime-se do seu povo Igor, o máximo que você puder, tome suas decisões ou vindo o povo, pois você é jovem, um idealista que representa um o novo para a Araguaína e aquilo que o povo precisa para efetuar as mudanças que essa cidade precisa”, disse Lelis. 

Pré-candidato

Ao fazer uso da palavra, o pré-candidato afirmou que suas convicções estão no Partido Verde, “não vim por dinheiro nem por interesse, mas pela liberdade que o partido e o nosso presidente Marcelo Lelis nos deram para construirmos o nosso projeto, minha vinda para o PV se define por um único motivo, trabalhar para o povo de Araguaína e quero dizer que estou aceitando esse desafio de colocar meu nome como pré-candidato a prefeitura de Araguaína, pois eu gosto de trabalhar, meus pais me deram esse exemplo em casa, pois tudo o que conquistamos foi com trabalho e é pensando nessa honra que aceito colocar meu nome para disputar a prefeitura”, disse ressaltando o apoio recebido pelo seguimento evangélico, família, amigos e pré-candidatos a vereador.

Também participaram do evento o presidente estadual do PSDC, Max Fleury, a presidente metropolitana do PMB em Araguaína, Janaína Cortez, pré-candidatos a vereador, líderes religiosos e comunitários, além de membros da comunidade em geral.