Meio Ambiente

Foto: Divulgação

O Tocantins registrou 369 focos de calor no mês de abril deste ano. Os dados foram divulgados pela Coordenadoria Estadual de Defesa Civil que apontou que no mesmo período no ano passado, os focos registrados somaram 88. Os números deste ano ficam abaixo apenas de 2010, onde foram registrados 419 focos de calor no Estado.

As precipitações hídricas também tem reduzido consideravelmente se levar em consideração ao período chuvoso comum para esta época do ano. Das 14 cidades monitoradas pelas estações meteorológicas que enviam dados para a Defesa Civil Estadual, choveu 2,2 milímetros em Mateiros, região do Jalapão, onde o esperado era de 14 milímetros. Em Paranã, Sudeste do Estado, as chuvas também diminuíram. Lá, foram registrados 2,6 mm, onde o esperado para o período é de 101,4 mm, para todo o mês.

Segundo o gerente do Centro de Monitoramento da Defesa Civil Estadual, major bombeiro Cássio de Sousa Pedro, o período atípico meteorológico no Estado sugere precaução em áreas rurais, a fim de evitar o risco de incêndios. “Sabemos que o Estado a cada ano enfrenta situações de queimadas. Nossa orientação aos moradores da zona rural é que mantenham as precauções necessárias a fim de evitar incêndios florestais”, afirmou.

Ainda segundo o gerente do Centro de Monitoramento, os produtores devem realizar aceiros e desmatar somente com autorização legal. O major ressalta ainda que os focos registrados de calor não necessariamente representam incêndios, uma vez que uma superfície aquecida como telhados de zinco e outros materiais metálicos também pode ser interpretada como foco de calor.

Por: Redação

Tags: Cássio de Sousa Pedro, Defesa Civil