Campo

Foto: Delfino Miranda

A Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro) participa do I Seminário de Pesquisa Extensão e Inovação do Cerrado Sul Maranhaense, promovido pelo Instituto Federal do Maranhão, Campus São Raimundo das Mangabeiras. O Seminário será realizado de quarta a sexta-feira, 15 a 17. Na programação, palestras sobre o potencial do Cerrado Sul Maranhense e como ser explorado de forma sustentável; unidades de conservação; empreendedorismo; sociobiodiversidades e políticas públicas; agroecologia; desenvolvimento rural; minicursos e oficinas.  

A diretora de Tecnologias Sociais e Sociobiodiversidade da Secretaria da Agricultura, Francisca Marta Marta Barbosa, ministrará a palestra “Sociobiodiversidade e Políticas Públicas” e participará da Mesa Redonda com o tema “Ações Sócio-Político- Ambientais no Cerrado”.

A participação da Seagro acontece por meio de um convite feito pelo diretor geral em exercício do Instituto Federal do Maranhão, Janio Fernandes e Silva, segundo Marta Barbosa. Para ela a participação no evento é importante para divulgar os avanços na agricultura sustentável a partir da inserção de políticas de sociobiodiversidade, desenvolvidas para as regiões norte e nordeste.  “O Tocantins e o Maranhão são cobertos por um bioma muito importante que é o Cerrado e ambos têm comunidades tradicionais e extrativistas. A gente troca experiências e aprende mais para melhorar nossas práticas”, afirma a diretora.

Seminário

O Seminário tem como objetivo promover a articulação e o intercâmbio entre as Instituições de Ensino, Pesquisa e Extensão, órgãos públicos relacionados à preservação ambiental e as empresas envolvidas com este ambiente produtivo e contribuir para o fortalecimento da proposição de políticas públicas relacionadas à produção com sustentabilidade, entre outros.