Cultura

Foto: Júnior Suzuki

Balancê, anarriê, “simbora” que foi dada a largada para o 24º Arraiá da Capital, a maior festa junina da região norte do País, que começou nessa quinta-feira, 23 e segue até domingo, 26, na Vila Olímpica. E a festa já conta com sua majestade, a rainha, Ana Paula Santos, eleita entre as 20 candidatas representantes das quadrilhas juninas, e também uma Cidade Cenográfica representando o interior nordestino, região pioneira da cultura junina.

Para a abertura do evento o Coral Municipal preparou uma apresentação especial, homenageando o forró com a tradicional música “Mulher Rendeira”, além de cantarem o Hino Nacional Brasileiro. Outra participação da noite foi a Quadrilha da APAE de Palmas, que levantou a arquibancada, e deu o ponta-pé às apresentações da noite.

A disputa para o posto de rainha da festa foi bastante disputado, e as 20 participantes contaram com torcidas organizadas, gritos de guerra e uma arquibancada que vibrava a cada participação. A ganhadora desta edição do 24º Arraiá da Capital, Ana Paula Santos, representante da quadrilha Caipiras do Sertão, desfilou e encantou a arquibancada e jurados, que observaram os quesitos como beleza, harmonia e coreografia.

Ana Paula, que participa pela primeira vez da disputa, falou da emoção de ser a representante da festa. “Foram muitas as dificuldades para estar aqui, mas o amor que tenho a esta festa tão linda é maior que tudo”, disse a rainha. A vencedora leva para casa não apenas o título e faixa de rainha, mas também o prêmio de cinco mil reais.

Iniciando as apresentações das quadrilhas juninas, a primeira a se apresentar foi a representante do Grupo Iniciante, Quadrilha Tanakara, com apenas dois meses de ensaio. A segunda quadrilha do Grupo de Acesso, a Encanto Luar levou para arena o tema “Por que não Maria Bonita no São João? Apresentou uma coreografia que mostrava a força da mulher na família. Finalizando as apresentações da noite, a quadrilha junina Mastigado da Jumenta em sua apresentação homenageou o líder, padre Josimo Tavares, ícone da luta pela reforma agrária no Estado.

Mas a primeira noite do 24º Arraiá da Capital não foi marcada apenas pelas disputas, mas também pela apresentação de forró pé de serra no coreto, onde se apresentaram Trio Baú, Félix do Acordeon, Forró Xiado, Cardosinho do Acordeon e  Marciel Pankadão. O comerciante José de Aquino, disse é fundamental apresentações como estas para completar a programação das festas de São João. “Não tem como pensar em festa junina sem um bom arrasta pé”, disse o comerciante.

Comidas típicas

E não tem como pensar em festa junina sem pensar nas delícias desta época, principalmente aquelas preparadas à base de milho como pamonhas, curaus, e canjicas. Outro ingrediente que não pode faltar também é o amendoim, ingrediente este que muitas vezes faz par fundamental na preparação da tradicional canjica com amendoim, e por que não preparar um tradicional doce desta época, o pé de moleque?

E, foi querendo manter aquele gostinho tradicional de festa junina, e trazer também uma nova forma de apresentar esta iguaria, que a culinarista Maria Ribeiro trouxe uma das iguarias que é uma das paixões dos tocantinenses, o pastel o gostinho de festa junina.  A culinarista criou um pastel que tem como seu principal ingrediente o doce pé de moleque, acrescido de uma ganache de chocolate transformando em uma fusão quentinha de sabores. “A cada ano eu preparo uma receita especial para o arraiá e esta, por enquanto, será vendida somente aqui”, alertou.

24º Arraiá da Capital

O Coreto, típico das cidades do interior, será localizado ao centro da Cidade Cenográfica e, ao todo, 20 bandas palmenses de forró se apresentarão no espaço. A cidade conta, ainda, com o Memorial do Arraiá, que exporá figurinos e adereços usados pelas Quadrilhas Juninas nos concursos dos Arraiás anteriores. Haverá também os Pontos de Apoio, espaços destinados às equipes da Saúde, Segurança, Prefeitura e Imprensa. 

Confira a programação completa da Arena e do Coreto:

Dia 24 de junho (sexta-feira):

19h20 – Composição da mesa de jurados

19h30 – 3 Grupo de Acesso – Coração Caipira

              4 Grupo de Acesso – Fogo na Cumbuca

              5 Grupo de Acesso – Matutos da Noite

21h30 – Apresentação Nacional Moraes Moreira

22h – 6 Grupo de Acesso – São João das Palmas

          7 Grupo de Acesso – Já Vim Já Vou

          8 Grupo de Acesso – Arrastapé do Liberdade

Dia 25 de junho (sábado):

19h – Apresentação da Quadrilha da APAE de Porto Nacional

19h20 – Composição da mesa de jurados

19h30 – 9 Grupo de Acesso – Paixão Junina

              10 Grupo de Acesso – Luar de Santo Antonio

              1 Grupo Especial – Pizada da Butina

              2 Grupo Especial – Caipiras do Sertão

23h10 – Apresentação Nacional Margareth Menezes

              3 Grupo Especial – Caipiras do Borocoxó

              4 Grupo Especial – Coronéis da Sucupira

              5 Grupo Especial – Explosão Amor Caipira

Dia 26 de junho (domingo):

19h00 – Apresentação da Quadrilha da APAE e Paraíso

19h20 – Composição da mesa de jurados

19h30 – 6 Grupo Especial – Pula Fogueira

              7 Grupo Especial – Estrela do Sertão

              8 Grupo Especial – Cafundó do Brejo

              9 Grupo Especial – Nação Junina

              10 Grupo Especial – Girassol do Cerrado

Dia 27 de junho (segunda-feira):

         18h – Apuração e Cerimônia de Premiação do 24º Arraiá da Capital

Local: Grande Praça do Espaço Cultural José Gomes Sobrinho

Coreto

Dia 24 de junho (sexta-feira):

19h às 20h20 – Banda Estrela do Brazil

20h30 às 21h50 – Forró Doce Mulher

22h às 23h20 – Trio do Forró

23h30 às 00h50 – Augusto Acordeon

01h às 02h – Johnny Safadão

Dia 25 de junho (sábado):

19h10 às 20h20 – Dorivã – Show Folia Dourada

20h20 às 21h30 – Xote Belo

21h40 às 22h30 – Trio Chapéu de Couro

22h40 às 23h30 – Pedra de Fogo

23h40 às 00h30 – Gingado do Nordeste

00h40 às 02h – Loucos Boy

Dia 26 de junho (domingo)

19h às 20h30 – Marcilon do Acordeon

20h40 às 21h30 – Trio Bacana

21h40 às 22h30 – Paraíba da Sanfona

22h40 às 00h – VL do Acordeon